Praias para conhecer em Salvador e arredores

Salvador é a cidade que mais representa a diversidade baiana. Apresenta uma cultura rica e um povo alegra, fruto da mistura de credos e etnias que só se encontra na Bahia.

Mas além do centro histórico e do lindo Pelourinho, a cidade e seus arredores são cheios de qualidades de país tropical, ou seja, é muita areia branca e mar azul.

Se você tem o espírito baiano e também só precisa de sol e água fresca para ser feliz, conheça essas praias que não podem ficar fora do seu roteiro em Salvador.

Leia também:

Lugares para conhecer em Salvador
Vilas de pescadores e praias paradisíacas na Costa do Descobrimento na Bahia
Mar verdinho e extensos coqueirais, conheça Ilhéus na Bahia
Garapuá, destino encantador que você precisa conhecer na Bahia
Conheça as praias paradisíacas do litoral sul da Bahia

Porto da Barra

É uma das praias mais próximas do centro. Os arrecifes em volta fazem com que o mar límpido e azul não forme ondas, sendo um aglomerado de piscinas naturais.

Fins de semana e feriados são bem movimentados, até mesmo durante a noite por causa da boa iluminação noturna, apesar de haver apenas uma barraca e alguns ambulantes vendendo comidas e bebidas. A praia também faz parte do circuito do carnaval.

Banhada pelas águas calmas da Baía de Todos os Santos, o Porto da Barra também atrai muitos adeptos do windsurf. E nos 600 metros de praia também é possível praticar vôlei e frescobol.

Foto: Alessandro Iglesias

Praia do Rio Vermelho

A Praia do Rio Vermelho não é o destino para quem busca um banho de mar pois, infelizmente, se encontra muito poluída. Mas apesar dos pesares é um dos points mais movimentados de Salvador.

Ali se encontram diversos bares restaurantes e hotéis. Na Praça Caramuru, antigo “Mercado do Peixe”, há 11 restaurantes e 8 quiosques com cardápio variado, alguns até ficam abertos 24 horas.

A praia é principalmente utilizada como porto para os pescadores locais, de onde partem as oferendas a Iemanjá no dia 2 de fevereiro com, claro, muita festa.

Foto: Maurício Almeida

Praia do Forte

Na estrada que liga a Bahia ao Sergipe encontramos um refúgio preservado, com areias claras, coqueirais e um mar de águas cristalinas que abrigam recifes de cardumes de peixes coloridos.

A grande atração na Praia do Forte é a sede do Projeto Tamar, responsável por estudar e proteger as tartarugas marinhas. O espaço conta com tanques de criação, aquários e oferece visitas guiadas por biólogos de plantão.

Entre os meses de dezembro e fevereiro a visita se torna mais especial pois é quando ocorre o processo de soltar as tartarugas-marinhas recém-nascidas ao mar. Já entre os meses de julho a outubro o foco é outro. A praia é o local escolhidos por baleias jubarte durante esse período para procriar e amamentar os filhotes.

A praia também possui as ruínas da primeira fortificação portuguesa em terras brasileiras, o Castelo Garcia D’Ávila que, junto com a igrejinha branca à beira-mar, as ruas de terra, as casinhas caiçaras e dos coloridos barquinhos de pescadores, compõem a atmosfera simples e rústica do lugar.

Foto: Patrick Ferrera

Ilha de Itaparica

Maior ilha da Baía de Todos os Santos, a Ilha de Itaparica abriga os municípios de Itaparica, que tem algumas construções coloniais, e Vera Cruz, onde estão as praias mais frequentadas.

Não muito usada para banho, a Praia do Forte abriga o Forte São Lourenço e o Centro Histórico, com a fonte da Bica, construída em 1842. Na Praia da Penha, as águas claras com poucas ondas ficam repleta de lanchas, jet skis e praticantes de windsurfe e kitesurfe

O mar calmo e a barreira de recifes da Barra do Gil facilitam a pesca de polvos e lagostas, os pratos com frutos do mar são os mais populares da região. Ali também é possível praticar mergulho para observar a fauna marinha.
Outra opção de passeio é o de barco pela região do chamado “Pantanal Baiano” passando por manguezais no Rio Jaguaripe, praias desertas e fontes de água doce.

Foto: Sec Tur Bahia

Morro de São Paulo

O Morro de São Paulo é uma vila localizada na Ilha de Tinharé e um dos destinos mais cobiçados por aquelas bandas. Para acessá-la somente por catamarã ou avião desde a capital baiana. Carros não circulam pelas poucas duas ruas da vila, fazendo com que caminhadas sejam a melhor forma de explorar as 7 praias do Morro.

Uma característica peculiar da vila é que as praias são nomeadas de acordo com sua proximidade com o centro. A Primeira Praia é a mais próxima e mais movimentada, perfeita para experimentar a comida típica baiana e se aventurar na tirolesa de 57 metros de altura e 340 de cumprimento. Já a Quarta parece que quer toda a tranquilidade para si, a mais desertas das praias do morro e também a mais extensa com 4 km de orla.

Além das praias o Morro de São Paulo também oferece agitada vida noturna nos bares da vila e passeios ao forte e o farol, que são ponto de encontro durante o pôr-do-sol, uma das mais espetaculares vistas.

Foto: Anderson Barbieri

Guarajuba

A Praia Guarajuba vem ganhado notabilidade entre os turistas. Não é para menos, não há quem resista às areias brancas e o mar azul cristalino da orla, cercada pelos coqueirais.

E realmente a praia é um bom destino para todo mundo. O mar acolhe surfistas e outros esportistas nos lugares de mar aberto em que as ondas tem espaço para reinarem. Já quem busca um mergulho tranquilo fica satisfeito com as piscinas naturais formadas pelos recifes. E para quem procura relaxar em uma caminhada ou passeio de bicicleta o calçadão arborizado está à disposição.

Na parte esquerda da praia há barracas que servem petiscos de frutos do mar frescos e deliciosos. E não faltam hospedagem para todos os gostos, de super luxuosas a mais intimistas e simples.

Foto: Sec Tur Bahia

Arembepe

As praias da vila de Arembepe não abrem a discussão para o fato de serem belíssimas ou não. A beleza paradisíaca das praias, cuja paisagem é composta por dunas de areia dourada, restingas, piscinas naturais e lagoas de águas cristalinas já é consenso. O que realmente deve entrar em consideração na hora de ir até lá é a aldeia hippie.

A aldeia que está a apenas 34 km da movimentada Praia do Forte abriga a geração “paz e amor” que ainda hoje vende artesanato e mandioca para sobreviver, preserva a vegetação e vive em casas de barro e palha sem energia elétrica. O lugar já abrigou até artistas internacionais que se encantaram com a simplicidade da comunidade, como Mick Jagger e Janes Joplin.

Outro atrativo é uma base do Projeto Tamar que fica na praia que deu nome a vila. O espetáculo de soltura das tartaruguinhas bebês se repete todo ano de dezembro a janeiro.

Foto: Cesar Nunes

Barra do Jacuípe

A marca da Barra do Jacuípe é o encontro do rio com o mar, um fenômeno natural lindo de apreciar. A paisagem paradisíaca composta por dunas, coqueirais e recifes pode ser explorada em águas salgadas ou doces.

Caiaques podem ser alugados para passear pelas águas mansas e claras, que também convidam para um mergulho tranquilo. Durante a alta temporada é bem movimentada e fica a apenas uma hora da capital baiana, perfeita para um passeio bate-e-volta.

Foto: Christian Knepper


- Descubra o hotel ideal para você, reserve seu hotel com o Booking.com.
- Encontre pacotes de viagem em oferta com a CVCSubmarino ViagensDecolar.com.
- Pesquise os melhores preços de passagens aéreas em tempo real para a sua viagem.
- Consiga a melhor cotação de câmbio turismo do dia em diferentes moedas.