Viaje no tempo, conheça a vila inglesa de Paranapiacaba

A apenas 50 km da capital Paulista, a charmosa Vila de Paranapiacaba foi construída em 1865 para abrigar engenheiros e operários da empresa britânica Railway, durante a construção da primeira ferrovia do estado de São Paulo, que ligava a capital ao Porto de Santos.

A cidade com arquitetura inglesa possui construções de madeiras, ruas estreitas e até mesmo uma clássica torre do relógio inspirada levemente no Big Ben de Londres. Erguida em meio ao topo da Serra do Mar, o vilarejo é emoldurado pelas belezas do Parque Natural Municipal Nascentes de Paranapiacaba, uma área de 400 hectares que conserva uma importante área de Mata Atlântica com diversas trilhas ecológicas repletas de bromélias e orquídeas, cachoeiras, aves e animais silvestres.

Paranapiacaba é basicamente dividida em duas partes: a parte alta, com construções mais recentes e parte baixa onde encontram-se as casinhas tipicas da cidade, a maioria feita em pinho de riga, madeira nobre originária do Leste Europeu.

Leia também:

5 viagens para fazer no estado de São Paulo
Visita guiada no terraço do Edifício Martinelli em São Paulo
Veja as principais atrações para conhecer no centro de São Paulo
Dicas para curtir ainda mais a cidade de São Paulo
Turistando em São Paulo: lugares para conhecer com entrada gratuita

PARANAPIACABA COM PROBLEMAS DE ILUMINAÇÃO E CÃES NA RUA

A parte alta tem como referencial a Igreja Bom Jesus de Paranapiacaba, bem próxima a entrada do município. No local é possível ter uma visão privilegiada da cidade. Mais abaixo passando pela ponte que divide as duas áreas, está a Estação Ferroviária, que foi restaurada e hoje é o ponto de desembarque do Expresso Turístico. Em seguida está o sítio histórico de Paranapiacaba com diversas atrações para os visitantes.

paranapi2

Entre as atrações turísticas da cidades estão o Museu Ferroviário, que expõe os trens da São Paulo Railway Company incluindo a Locomotiva 15 de 1862, a segunda mais antiga do Brasil.

O Museu Castelinho encontra-se em cima de uma montanha e chama atenção de longe. No espaço é possível compreender um pouco mais do passado, conhecendo utensílios, máquinas, móveis e retratos antigos.

paranapi

Aos domingos o expresso turístico para Paranapiacaba leva os visitantes até a cidade a bordo de uma antiga maria fumaça. O passageiro tem a opção de embarcar às 8h30 na Estação da Luz ou às 9h00 na Estação Prefeito Celso Daniel, em Santo André. O retorno ocorre às 16h30 em Paranapiacaba. A viagem é feita a bordo de um trem fabricado no Brasil, com duração de 1h30 no total. Durante o percurso de 48 km, os visitantes podem aproveitar as paisagens da cidade e as belezas da Mata Atlântica, refazendo a antiga rota de Paranapiacaba.

No mês de julho a cidade fica lotada com as atrações que o Festival de Inverno oferece. Durante dois finais de semana Paranapiacaba recebe diversos cantores que se apresentam com entrada franca, em diversos pontos do vilarejo. Além das atrações musicais, intervenções artísticas são espalhadas pelas vielas da vila, transformando Paranapiacaba em uma espécie de museu a céu aberto. Destino predileto de muitos fotógrafos paulistanos, a vila proporciona um ar bucólico quando cai a neblina, quase sempre por volta das 15h00 mesmo no verão. O cenário é palco de diversos ensaios fotográficos para diferentes trabalhos, entretanto, dependendo da finalidade recomenda-se consultar a Prefeitura de Santo André para autorização.

Outro festival muito conhecido é o Festival do Cambuci, um fruto típico da Mata Atlântica com sabor “azedinho”. Durante o festival os visitantes podem provar diversas receitas que utilizam o fruto no preparo, como galinha caipira, costela suína, tapioca, pudim e a famosa cachaça de cambuci.

Como chegar

De carro: Se vier pela Via Anchieta, siga até o KM 29 pela pista marginal, sentido Riacho Grande. Entre na Estrada Velha do Mar (SP-148, sentido Ribeirão Pires) e acesse a Rodovia Índio Tibiriçá (SP 31) até o KM 45,5, na alça de acesso para a Rodovia Antonio Adib Chamas (SP 122) até Paranapiacaba.

De ônibus: Embarque na linha 040 (Viação Ribeirão Pires) no Terminal Rodoviário de Santo André (TERSA) até Paranapiacaba.

De trem: Acesse a linha 10 Turquesa da CPTM e desça na estação Rio Grande da Serra, de onde parte o ônibus 424 (Viação Ribeirão Pires) com destino a Paranapiacaba.

+info:

Museu Castelo
Endereço: Rua Caminho do Mendes, s/nº
Aberto a visitação mediante agendamento de monitores pelo telefone do CIT: 11 4439 -0237, aos sábados, domingos e feriados, das 10 às 16h com sessões de 30 minutos.

Museu Ferroviário:
Endereço: Pátio Ferroviário
Aberto aos sábados, domingos e feriados.

Planeje sua viagem:

Encontre o melhor preço de hospedagens, passagens aéreas e promoções em tempo real sem pagar nada a mais por isso. Pesquise o seu voo em todas as companhias de uma só vez e tenha certeza de ter feito o melhor negócio. Planeje: Passagens Aéreas | Reservar Hotéis

 

Fotos: André Henriques, Michael Guimarães, Murilo Romeiro

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *