O Chile anunciou novas regras para que estrangeiros entrem em seu país. A mudança mais significativa foi o fim da exigência de teste de Covid-19 negativo quando da chegada, embora ainda seja necessário apresentar um antes da partida, quando o viajante ainda estiver em seu país de origem.

Os visitantes também precisarão provar estarem completamente vacinados, mas crianças abaixo dos seis anos de idade estão isentas desse requisito. Ainda no assunto, os pais devem providenciar para crianças que estejam com mais de dois anos e não estão vacinadas um teste PCR negativo feito em até 72 horas antes do embarque. Todos devem também preencher o formulário Traveller´s Affidavit antes de entrarem no Chile com a finalidade de gerar um código QR para facilitar a entrada rápida. Nele serão declarados dados como dados de contato, vacinação e viagem.

Outra exigência será a apresentação de um seguro de viagem no valor mínimo de trinta mil dólares para cobertura de despesas referentes a possíveis problemas causados pelo Coronavírus. O governo do país avisou também que os viajantes poderão ser alvo de testes aleatórios quando da chegada. Os viajantes poderão adentrar por aeroportos especialmente designados como Punta Arenas, Santiago, Antofagasta e Iquique.

Leia também » Os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

Há casos especiais em que os viajantes não precisam ser vacinados, mas, ainda assim, se exige a aplicação de medidas como quarentena e teste quando da entrada no país. Estima-se que a maioria dos viajantes não apresentarão os requisitos necessários para escapar da isenção.

Temporada de neve no Chile: passeios para ir

covid 19 chile

Foto: Olga Stalska / Unsplash

E a neve está trazendo os turistas de volta para o Chile após uma longa temporada de ausências provocadas pela pandemia. E os pontos turísticos mais ligados ao assunto já anunciaram o que oferecerão para que os viajantes voltem a ser sua fonte de renda.

O primeiro resort de esqui a anunciar que planeja sediar esqui neste verão foi Portillo, quando anunciou em março que o resort está trabalhando atualmente com autoridades de saúde nacionais e locais para criar uma maneira de acessar seu resort via testes PCR Covid- 19. falaremos mais sobre esses dois pontos mais à frente neste texto.

Um dos lugares mais visados do país para curtir a neve em família é o Parque Farellones. Localizado na comuna de Lo Barnechea, a 36 km de Santiago e a uma altitude de 2.340 metros acima do nível do mar, tem um centro de saúde, uma escola e cerca de 200 casas. As casas e cabanas são feitas de madeira, dando um aspecto característico.

Farellones atualmente tem apenas algumas pistas de esqui, mas seu sistema de teleférico dá acesso a El Colorado, localizado a apenas cinco quilômetros da colina de mesmo nome. Eles são frequentemente considerados como uma área de esqui conjunta com um total de 62 pistas, incluindo 11 para iniciantes, 6 para intermediários, 33 para esquiadores avançados e 12 para especialistas. Eles têm uma altitude máxima de 3.333 metros acima do nível do mar, uma descida vertical de 906 metros e uma queda de neve média de 5 metros em um ano médio.

Atividades oferecidas: Teleférico, tubing – tobogã com boia, tirolesa, Fat Bike, esquiar, esquibunda, parede de escalada, entre outros.

Outra parada obrigatória é Santiago, onde há excelentes pistas para esquiar. É uma oportunidade para conhecer esta atividade que encanta os apreciadores de climas frios. A estação mais procurada é a de Valle Nevado, a mais ou menos 65 Km da capital chilena. É considerado o maior e melhor parque de esqui do país e recomendado para quem não entende nada de esqui. Lá pode-se contratar o serviço de aulas para quem nunca esquiou.

Um complexo bastante procurado é a montanha do El Colorado, a 60 Km de Santiago. Tem hospedagem e gastronomia equiavelntes às do Valle Nevado, embora suas pistas não ofereçam aulas. A terceira opção ligada a Santiago é Portillo, com pistas incríveis e vistas deslumbrantes da Laguna del Inca.

Quer mais informações ou orientações para conseguir planejar uma viagem inesquecível? Basta entrar em contato com nosso parceiro, a Tourgo, uma agência de turismo receptivo no Chile especializada em receber brasileiros que oferece diversos passeios nos principais destinos do país. Leitores do Guia Viajar Melhor obtém 10% de desconto nos serviços oferecidos. Para conseguir o desconto clique aqui.






Inscreva-se em nosso canal:



Planeje sua Viagem




Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Búzios: atrações, onde ficar e quando ir

Artigo anterior

123milhas lança viagens mais baratas para quem tem datas flexíveis 

Artigo seguinte

Você pode gostar