Saiba quais são as principais regras e protocolos antes de viajar para o continente e quais países estão com as fronteiras abertas 

A Europa vivenciou recentemente uma segunda onda do coronavírus e alguns países como Bélgica, França, Inglaterra, Itália, Áustria e Alemanha tiveram que decretar novos protocolos de segurança, como fechamento de alguns estabelecimentos, toques de recolher e até lockdown. A variante B.1.1.7 encontrada no Reino Unido deixou o continente em estado de alerta devido ao aumento das taxas de transmissão e consequentemente ao rápido aumento de casos e mortes pela doença. 

As nações começam a reabrir lentamente, porém ainda há uma série de restrições e até mesmo proibição de entrada de voos comerciais provenientes do Brasil. Enquanto a maioria dos países vê a curva de contágio diminuindo, Alemanha e Espanha são exemplos de países que ainda estão em alta. 

Leia também » Estes são os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

Dessa forma, a Europa é uma das regiões com mais restrições de entrada para viajantes e até o momento, apenas brasileiros residentes na Europa, portadores de passaporte europeu ou que apresentem parentesco de primeiro grau com cidadãos do continente estão autorizados a entrar, contudo, essa política pode mudar de acordo com o país. 

Restrições de entrada 

regras e protocolos para entrar na europa

As autoridades europeias atualizam com frequência as regras e as nacionalidades com entrada liberada no continente, que são: Austrália, Nova Zelândia, Ruanda, Coreia do Sul, Tailândia e Singapura. E a China (incluindo Hong Kong e Macau), desde de que adotem a reciprocidade. Cidadãos do Reino Unido e dos Estados-cidades ou enclaves europeus de Andorra, Mônaco, Vaticano e San Marino serão considerados residentes.

Vale lembrar que as regras mudam a qualquer momento devido a instabilidade da pandemia que afeta quase todo o mundo. Por isso, antes de realizar uma viagem internacional, vale checar todas as medidas para que ela aconteça sem problemas. 

Como as medidas não são iguais para toda a Europa, confira abaixo as regras de alguns dos países mais procurados pelos brasileiros. 

França 

  • Preenchimento de declaração juramentada que certifica que o viajante não apresenta sintomas de Covid-19 e não teve contato com pessoas que testaram positivo nas duas semanas que antecedem a viagem;
  • Teste RT – PCR para COVID-19 emitido até 72 horas antes do embarque. Crianças menores de 11 anos estão isentas;
  • .Quarentena de 7 dias e realização de um novo teste PCR para COVID-19 ao final desse período.
  • As fronteiras estão fechadas para qualquer país que não pertença à União Europeia, com exceção a Andorra, Cidade do Vaticano, Islândia, Liechtenstein, Mônaco, Noruega, São Marino e Suíça.
  • Viajantes do Reino Unido não têm permissão para entrar na França para fins não essenciais, com exceção a pessoas que já residem no território francês. 

Espanha 

  • Exige quarentena de 10 dias de pessoas que vieram de alguns países da América do Sul e África que pode ser reduzida com a comprovação de teste RT-PCR negativo para COVID 19;
  • Viajantes de países de alto risco devem apresentar o resultado negativo do teste RT-PCR realizado até 72h antes do embarque;
  • Todos os viajantes devem preencher o formulário FCS até 48h antes da viagem e apresentar o QR code no momento do embarque 

Itália 

  • Os voos comerciais para o Brasil estão suspensos; 
  • Até 30 de abril, os passageiros que tenham entrado ou transitado pelo Brasil nos últimos 14 dias não são autorizados a entrar e transitar no território italiano. 
  • A quarentena de 14 dias para entrar no país (para as nações autorizadas); 
  • Pessoas que estiveram no Brasil até 14 dias antes da data da viagem devem apresentar um laudo negativo do teste molecular ou de antígeno da COVID- 19 feito em até 72h antes do embarque e ainda devem repetir o exame na chegada à Itália. A única exceção é para crianças com menos de dois anos;
  • Todos os passageiros devem apresentar o seguinte formulário preenchido.

Portugal

  • Os voos do Brasil estão suspensos.
  • Permite entrada de cidadãos que residem na União Europeia, ou Espaço Schengen, 
  • Preenchimento deste formulário online após a realização do check-in e apresentar o comprovante nos postos de controle.
  • Teste RT-PCR de Covid com resultado negativo realizado até 72 horasa antes embarque, com exceção a crianças com menos de 24 meses de idade.
  • Para as pessoas que estejam viajando da Republica Checa, Eslovénia, Eslováquia, Estónia, Letónia, Brasil e África do Sul, a quarentena também é exigida. Elas devem seguir o isolamento social de 14 dias em sua residência ou outro local indicado pelas autoridades, caso o tempo de permanência em Portugal seja superior a 48h. 
  • Esses passageiros também precisam preencher este formulário e apresentá-lo no momento do embarque. 
  • Os viajantes provenientes das regiões da Madeira e dos Açores não precisam apresentar o teste para embarcar para Portugal.
Dicas para planejar sua viagem:

» Descubra as melhores opções de aluguel de carros com a Localiza.
» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com até 50% de desconto para qualquer destino.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Como fazer uma conta bancária nos Estados Unidos?

Artigo anterior

7 destinos fantásticos para conhecer em uma viagem ao Chile

Artigo seguinte

Você pode gostar