A Trenitalia, grupo ferroviário italiano, inaugurou no último sábado (18) uma nova linha de trem de alta velocidade, ligando a cidade de Milão, na Itália, a Paris, na França. O trajeto atravessa os Alpes e é feito pelo Frecciarossa 1000 em até sete horas. Entre as paradas do percurso estão: a estação de Porta Susa em Turim, na Itália, e Modane, Chambéry e Part-Dieu em Lyon, na França.

A nova rota entre Milão e Paris representa uma importante conexão entre os dois países. Ao longo dos últimos dois anos, a Itália e a França deixaram de ser conectadas por rotas ferroviárias devido à pandemia: o trem noturno que levava de Veneza a Paris foi suspenso, assim como a viagem diurna entre Milão, Gênova, Nice e Marselha.

O trem

O serviço está disponível em quatro “classes” dentro dos vagões: executiva, mais cara e com amenidades; premium, onde são servidos drinks e petiscos durante a viagem; business, de padrão intermediário; standard, a classe econômica, de preços mais enxutos; além da sala meeting, um vagão para reuniões em que se pode trabalhar e do vagão-restaurante.

Leia também » Estes são os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

Trenitalia inaugurou trem que liga Milão a Paris

Frecciarossa 1000 Foto: Divulgação

Em decorrência da Covid-19, o trem está com os serviços de alimentação suspensos.  O serviço de bebida continua ativo, em alguns casos também a comida pode ser servida diretamente no assento do cliente. É preciso checar quais são os serviços que estarão funcionando quando for comprar seu bilhete.

Além disso, as classes são divididas em duas categorias: “Silenzio” e “Allegro“. A primeira, para aqueles que procuram tranquilidade para viajar sem barulho, e a segunda, para quem quer viajar conversando, acompanhado de amigos e família. Além disso, Os trens oferecem internet grátis, revistas, livros, filmes e músicas.

Milão

Milão é conhecida como a “Capital da Moda”. Então, se você gosta desse assunto, além de arte, entretenimento e gastronomia, vai adorar conhecer o local. Veja abaixo dois lugares para aproveitar enquanto espera o Frecciarossa 1000 sair ou chegar na cidade:

Piazza del Duomo

Trenitalia inaugurou trem que liga Milão a Paris

Piazza Del Duomo Foto: Websi/Pixabay

A Piazza del Duomo é um dos locais mais frequentado por turistas na cidade. Isso acontece, principalmente, porque a Catedral de Milão se encontra lá. Porém, ao redor da piazza, encontramos diversas construções famosas, cafés, estabelecimentos e ainda uma das mais movimentadas estações de metrô. Ver o Sol se por na Piazza del Duomo é um experiência inesquecível.

Castello Sforzesco

O Castello Sforzesco foi construído 1368 como uma fortaleza. Posteriormente, foi transformado em um palácio que foi praticamente destruído durante a República Ambrosiana, no século XV. Dentro do Castello, há 7 museus com muita história, são eles: Museu de Arte Antiga, Pinacoteca, Museu Egípcio, Museu da Pré-história e Proto-história, Museu de Artes Decorativas, Museu de Instrumentos Musicais e Museu do Móvel.

Trenitalia inaugurou trem que liga Milão a Paris

Castello Sforzesco Foto: gianninalin/Pixabay

A visita inclui um percurso através de todos eles por um preço acessível. Porém, se você não está interessado em visitar os museus, pode entrar para conhecer o pátio central do castelo, que está aberto ao público de forma gratuita.

Paris

Chegou em Paris, ou vai sair da cidade rumo a Milão, mas ainda tem um tempo e quer aproveitar? Simples! Caminhe do Museu do Louvre até o Arco do Triunfo! Dá uma olhada no que você vai encontrar nesse caminho:

Museu do Louvre

Trem liga Itália a França

Museu do Louvre Foto: 139904/Pixabay

O Louvre tem um acervo com aproximadamente 300 mil obras anteriores a 1948. Das quais são expostas aproximadamente 35 mil. Então se você quiser visitar o museu e outros lugares, sugiro que chegue lá sabendo aonde ir. A coleção está organizada de forma temática em diferentes áreas: antiguidades orientais, antiguidades egípcias, antiguidades gregas, romanas e etruscas, história do Louvre e o Louvre medieval, pintura, escultura, objetos de arte, artes gráficas e arte do Islã.

Torre Eiffel

Saindo do Louvre, se você seguir o caminho até o Arco do Triunfo passará por diversos pontos turísticos de Paris. Porém, não dá para sugerir dois pontos da cidade sem lembrar dela: a Torre Eiffel. Criada para a Exposição Universal de Paris, em 1889, por Gustave Eiffel, a torre tem 300 m de altura.

Trem liga Itália a França

Torre Eiffel Foto: NguyenBinh735/Pixabay

Se você não tem medo de altura, pode subir até o topo – de escadas ou elevador. A dica é ir em pela manhã, quando há pouca fila ou no fim da tarde, para ver a cidade luz do alto desse monumento, que foi um das finalistas na votação para ser uma das 7 Maravilhas do Mundo Moderno.

Serviço

Depois de aproveitar as duas cidades, não esqueça do seu propósito inicial. Fazer a viagem no Frecciarossa 1000 de Milão até Paris, ou vice-versa. Veja os horários de partida:

Saindo de Milão: 6h25 e 15h50
Chegando a Paris: 13h20 e 22h25
Saindo de Paris: 7h25 e 15h20
Chegando a Milão: 14h07 e 22h07

Os bilhetes mais baratos para a viagem são a partir de 24,60 euros.

As compras de bilhetes podem ser realizadas antecipadamente pelo site ou nas bilheterias das estações. A Trenitalia permite trocar a passagem pouco tempo antes do embarque, mas é preciso pagar pela diferença entre as tarifas, se houver. No caso de desistência da viagem, paga-se uma taxa de 20% do valor.

Inscreva-se em nosso canal:



Planeje sua Viagem




Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Viagens retomam em 50%, mas cuidados ainda são necessários

Artigo anterior

Passeio de Maria Fumaça no Trem das Águas de São Lourenço MG

Artigo seguinte

Você pode gostar