Descobrir lugares diferentes para comer na capital paulista é uma verdadeira caça ao tesouro. A gastronomia é um ramo de conhecimento que abrange a culinária, as bebidas e os ingredientes usados na alimentação, até mesmo os aspectos culturais a ela ligados. Mas e quando esses mesmos elementos parecem tão malucos e surreais que as pessoas acabam se atraindo não tanto pelo gosto que os pratos podem ter, mas sim pela excentricidade?

Restaurantes temáticos em São Paulo

Não se preocupe: nenhum dos restaurantes a seguir vão servir comidas absurdas e que dão medo de olhar (como pernas de aranha ou grilos recheados). Mas um bom gourmet tem que saber apreciar mesmo esses pratos. Afinal, a gastronomia é o estudo da relação entre comida e cultura, a arte de preparar e servir alimentos ricos ou delicados e apetitosos, os estilos de cozinhar de regiões particulares e a ciência da boa alimentação.

Aquele que é o conhecedor da gastronomia é denominado gastrônomo, sendo este a pessoa que une teoria e prática no estudo da gastronomia. A chamada gastronomia prática está associada à prática e ao estudo da preparação, produção e serviço dos diversos alimentos e bebidas, provenientes de países de todo o mundo.

Leia também » Estes são os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

A gastronomia teórica apoia a gastronomia prática. Está relacionado com uma abordagem de sistema e processo, focada em receitas, técnicas e livros de culinária. A gastronomia alimentar está ligada aos alimentos e bebidas e sua gênese. A gastronomia técnica sustenta a prática, introduzindo uma abordagem rigorosa para avaliação de tópicos a elas ligados.

Deixando de lado as teorias e partindo para a prática, é preciso saber que a gastronomia envolve descobrir, provar, experimentar, pesquisar, compreender e escrever sobre a preparação de alimentos e as qualidades sensoriais da nutrição humana como um todo. Ela também estuda como a nutrição se relaciona com a cultura mais ampla. A base biológica e química da culinária tornou-se conhecida como gastronomia molecular, enquanto a gastronomia cobre um terreno muito mais amplo e interdisciplinar.

Esse tipo de estudo só é possível quando experimentamos todas as combinações possível. Pelo menos uma vez na vida é aconselhável que a pessoa saia do arroz e feijão rotineiro e se enverede em pratos diferentes com ingredientes que podem até parecer estranho, mas que no final guardam boas surpresas ao paladar. Da mesma forma experimentar novos pratos exclusivamente por serem preparados em outro ambiente pode se revelar uma boa surpresa.

Por isso separamos estas dicas para você poder experimentar diferentes pratos em diferentes ambientes. Qual será a surpresa que lhe aguarda? confira a seguir.

Comida Escandinávia

restaurantes diferentes

Restaurantes temáticos em São Paulo. Foto: Divulgação

Falar sobre este tipo de alimentação já nos remete no mínimo aos tempos dos vikings e suas viagens de saque e pilhagem. Assim, não é de se espantar que seus pratos tragam as mais diversas influências e sabores. E um bom lugar para se experimentar a cozinha mais fiel à original é este restaurante, devidamente batizado de O Escandinavo.

Noruega, Finlândia e Dinamarca deixam suas marcas nos mínimos detalhes do lugar num lugar onde o cardápio muda a cada duas semanas num casarão da região de Pinheiros e em horários restritos (confira sempre por meio do site oficial). Há pratos que são bastante badalados, como os que levam pato, as massas folhadas dinamarquesas (chamadas de danish pastries), o queijo marrom e o salmão curado e defumado, dentre outros. Quer mais? Se Odin e companhia quiser, você pode se deparar com algumas excentricidades curiosas como a sopa de cerveja com mignon suíno curado ou pudim de cerveja e mel. Nada recomendado para quem não curte uma “breja”…

O cardápio possui ainda opções vegetarianas, cafés com ingredientes diferentes e cerveja de trigo dinamarquesa. Outros mais estão sendo experimentados pela cozinha local e voltam de acordo com a demanda do público. Fique de olho nas novidades do cardápio.

Cerveja na banheira

restaurantes diferentes e são paulo

Restaurantes temáticos em São Paulo. Foto: Divulgação

Em Moema há um bar chamado Original, local de chopp tradicional e uma carta de cervejas sob medida. Em funcionamento desde 1996, o local possui uma sobreloja onde se reúnem cervejeiros e que fica meio escondida, tendo acesso por uma porta de câmera fria. Enquanto os garçons servem no andar de baixo, o de cima é tranquilo e serve de cenário para poder apreciar as marcas mais diferentes de cerveja.

O ambiente dispõe de torneiras ocupadas por cervejarias convidadas (Blondine, Jupiter, Goose Island, dentre outras). O copo custa R$ 12 (250ml) e o cardápio conta com pizzas individuais da Bráz (R$28, quatro sabores disponíveis), coxinhas e empadas, além de porções de queijos e embutidos com pãezinhos assados na hora.

Mas o melhor mesmo fica por conta de se obter cervejas em garrafas. Para tanto basta se dirigir ao banheiro (isso mesmo) e literalmente pescar sua marca favorita numa banheira que vive cheia de gelo. As cervejas estão submersas, como peixes, por isso prepare-se para fuçar até encontrar a que deseja. parece muito estranho, mas as pessoas acabam por se divertir com a ação inusitada.

Vassouras e feitiços

restaurantes temáticos

Restaurantes temáticos em São Paulo. Foto: Divulgação

Nada a ver com fãs de Harry Potter ou com adoradores de Wicca. Mas ambos são bem vindos neste bar inusitado chamado Vassoura Quebrada, no bairro de Perdizes. Aberto em 2018, o sobradinho temático é mergulhado em atmosfera mística, com direito a ambiente de luz baixa e chapéus pontudos acompanhados de vassouras por todo lado. Cada cliente recebe uma varinha na entrada que é usada para chamar o garçom rodopiando-a no ar.

O cardápio aqui tem predominância por hambúrgueres. O Caramel, com cebola caramelizada, cheddar, bacon e maionese verde, sai por R$ 25,00, feito no pão de abóbora. Háç claro, os mais caros, como o Kiratsu, que leva queijo prato, bacon, repolho, molho tonkatsu e maionese de wasabi.

As bebidas são um destaque à parte. Algumas simulam poções com a ajuda de gelo seco, como o Metamorfo, que leva rum, xarope de limão cravo e água com gás. E tem também a cerveja espumosa, que equivale a cerveja amanteigada do universo Harry Potter, que na verdade é um milkshake de sorvete de creme, noz moscada, canela e, no caso de consumo alcoólico, conhaque.

Endereço: Rua Desembargador do Vale, 836 – Perdizes. Site: https://www.vassouraquebrada.com.br

Delícias africanas

restaurantes temáticos em são paulo

Restaurantes temáticos em São Paulo. Foto: Divulgação

O centro de São Paulo esconde alguns destaques curiosos. É o caso do Biyou’Z Restaurante Afro, na Rua Barão de Limeira. A proprietária, dona Melanito, veio de Camarões e procura manter um cardápio que mistura pratos de lugares bem diferentes como Congo, Senegal e Nigéria.

Os pratos trazem pérolas como o Kitoor, feio com pasta de amendoim torrado com couve, fufu de arroz e galinha, ou o Mbongo Tchobi, que é bagre com Mbongo, tempero africano, e mandioca. Para quem não quer se arriscar com os temperos fortes pode tentar um prato mais leve, como o Joujou, uma omelete com recheio de tomate, sardinha, linguiça e presunto.

O bom é que os pratos mudam diariamente, então fica quase impossível se cansar de comer por lá. Vale a pena para experimentar essa cozinha tão exótica e ao mesmo tempo fascinante.

Os persas

comida africana

Restaurantes temáticos em São Paulo. Foto: Divulgação

Comida do oriente sempre foi fascinante pelas diferenças de sabores, cheiros e cores de seus pratos. Agora é a vez de experimentar com toda a pompa que a ocasião merece. Basta ir no Amigo do Rei, comandado pela cozinheira Nasrin Haddad Battaglia. O local é especializado na culinária persa, especialmente a iraniana.

O restaurante funciona em São Paulo desde 2011, quando fechou as portas em Belo Horizonte para reaparecer em São Paulo. Curiosamente o estabelecimento funciona na própria sala de estar da cozinheira, que recebe grupos de até oito pessoas, todas numa mesma mesa e que o convívio acaba por se tornar um encontro de personalidades e curiosidades.

“Na cozinha persa predominam sabores leves e perfumados”, explica o site oficial. “Usa-se muito o açafrão, tempero obtido a partir do pistilo de uma flor (não confundir com a cúrcuma). É comum encontrar nos pratos água de rosas, pistache, golpar, zereshk, canela, lentilhas, nozes e romã. Também usa-se muito o iogurte, geralmente temperado. Outra característica marcante: não é raro encontrar frutas em pratos salgados, que podem levar tâmaras, uvas passas, pêssegos e ameixas”. Importante: as refeições só são servidas mediante reserva. O estabelecimento trabalha com encomendas via site.

Cozinha vietnamita

restaurante

Restaurantes temáticos em São Paulo. Foto: Divulgação

Localizado a cinco minutos de carro do Instituto Tomie Ohtake, o Miss Saigon apresenta o melhor da culinária asiática, tendo o forte voltado para a gastronomia vietnamita. O estabelecimento existe graças aos esforços do chef Vo Van Phuoc, que veio parar no Brasil após a Guerra do Vietnã “apenas com a roupa do corpo”.

Desde 05 de novembro de 2013 o Miss Saigon oferece uma cozinha típica do Sul do Vietnã, considerada uma das mais saudáveis do mundo e muito admirada pelos seus ingredientes frescos. Após sofrer um século de colonização francesa, a gastronomia vietnamita obteve muitos traços e influências da culinária francesa, inclusive sobre o alfabeto vietnamita, onde não existe ideogramas. A comida ganhou influências tailandesas e chinesas com um mínimo de óleo e bastante uso de ervas e especiarias. Seus pratos fazem muito sucesso de acordo com alto índice de satisfação dos frequentadores.

O estabelecimento obteve o Selo de Excelência TripAdvisor por sete anos seguidos (de 2015 a 2021) e entrou para o Hall da Fama do site, prêmio este concedido apenas a restaurantes que conquistaram mais de cinco vezes seguidas a marca. Hoje o cardápio foi expandido para a culinária asiática, oferecendo outros tipos de comidas orientais além da vietnamita.

Harry Potter disfarçado

restaurante temático

Restaurantes temáticos em São Paulo. Foto: Divulgação

A falta de licenciamento pode impedir o uso de imagens e nomes oficiais, mas está bem claro para quem frequenta o Beco Hexagonal que Harry Potter é a inspiração para criar esta hamburgueria charmosa que pode fazer a cabeça de seus filhos. Inaugurada em julho de 2021, é decorada de maneira a remeter aos cenários da cinessérie.

A comanda vem em forma de varinha que pode ser usada para realizar pequenos truques pela casa como mover pequenos objetos. Todos os ambientes tem nome em latim e alguns feitiços estão espalhados pelo local. Também há salas com as cores das casas de Hogwarts e os itens de decoração foram escolhidos para remeter diretamente aos cenários.

No cardápio itens como o hambúrguer Garold, com gorgonzola, relish de pepino e rúcula no pão brioche. As sobremesas são a delícia das crianças como o Pomo Dourado (cookie com calda de chocolate) e a Taça Albus (sorvete de limão, frutas vermelhas e um sapinho de chocolate).

Bar giratório

restauarntes em sao paulo

Restaurantes temáticos em São Paulo. Foto: Divulgação

Em Santana, na zona norte, está o Restaurante Lassù, de ambiente descontraído e rústico com elegância, com capacidade para 90 lugares. O bar é voltado para um disco giratório que privilegia os clientes com uma ampla vista que se estende do Pico do Jaraguá e Campo de Marte, passando por todo o Espigão da Paulista, Parque da Juventude até a exuberante Serra do Mar.

Há algumas regras a serem seguidas para conseguir adentrar este ambiente especial. Reservas não são obrigatórias para vir ao Lassù. O atendimento é feito por ordem de chegada. Caso a data desejada esteja indisponível, significa que as reservas estão completas. As reservas são oferecidas todos os dias em dois horários: 12h ou 18h. Não é possível escolher a mesa no momento da reserva.

Não é possível modificar horário ou quantidade de pessoas depois que a reserva estiver feita. O estabelecimento não estima tempo de espera. Enquanto aguarda sua mesa você será confortavelmente atendido pelos nossos Gin Bar e Ristô Street Food, ambos no térreo do edifício K1.

Jurassic Park

restaurante temático em são paulo

Restaurantes temáticos em São Paulo. Foto: Divulgação

Este, ao contrário dos restaurantes inspirados por Harry Potter, tem licenciamento do Universal Studios e assim usa e abusa das cenas da franquia, com direito até a uma lojinha de recordações no final. Bem no centro da hamburgueria há um tiranossauro de see meros que avança do meio da floresta e esmaga o Ford Explorer capotado. Nos alto-falantes, a trilha clássica do filme toca sem parar.

O cardápio possui hambúrguers na faixa dos trinta reais, com opções veganas e sobremesas como a bomba de baunilha “jurassic egg”, que vem com um ninho de palha, como se fosse um ovo.

O lugar, claro, é incrivelmente concorrido, por isso atende com reservas. Se não quiser reservar e tiver paciência e sorte, pode tentar encarar a fila para entrar. Mas apenas um detalhe: a mesma demora pelo menos tr~es horas para poder conseguir adentrar.

Inscreva-se em nosso canal:



Planeje sua Viagem




Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Filmes e séries da Netflix que vão inspirar suas viagens

Artigo anterior

Maior iate do mundo será um condomínio para milionários

Artigo seguinte

Você pode gostar