Visto de estudante na Irlanda: saiba quais são os tipos de visto para estudar em Dublin, Galway, Cork e outras cidades da Irlanda  

A Ilha Esmeralda atrai milhares de brasileiros que buscam uma vivência de estudo e trabalho no exterior. Se você é um deles, tire todas as suas dúvidas sobre o tempo de permanência, gastos e tipos de vistos na Irlanda.

A Irlanda é um dos destinos mais escolhidos da Europa por quem quer estudar inglês. Diferente dos Estados Unidos, que exige visto antecipado e burocracias desmotivadoras, o governo irlandês exige requisitos muito mais amigáveis para conceder visto de estudante para brasileiros, além disso, dependendo do período de estadia do aluno, é possível conseguir permissão para trabalho e estudo durante a permanência em solo irlandês, mesmo sem cidadania europeia.

A seguir detalhamos mais sobre os tipos de vistos para estudar na Irlanda, veja qual é o tipo que mais se enquadra no seu perfil e programe o seu intercâmbio na Europa.

dicas de vistos na irlanda

Foto: Ving N / Unsplash

Como funciona o visto de estudante na Irlanda?

Muitas pessoas desejam ter a chance de embarcar em um intercâmbio, seja para mudar de vida, para passar um tempo no exterior, melhorar a vida profissional ou aperfeiçoar um novo idioma. Nesses tipos de viagem, o intercambista vive uma nova cultura e pode aperfeiçoar um outro idioma vivendo na prática a rotina do destino escolhido. Dentre os idiomas mais procurados, definitivamente o inglês se tornou a primeira opção, principalmente para pessoas que visam melhorar suas carreiras profissionais.

E a boa notícia é que está cada vez mais fácil atingir uma realidade dessas. Alguns países possuem leis que facilitam a estadia de estrangeiros como o caso da Irlanda, mesmo que esses alunos não tenham uma cidadania europeia. Inclusive a Irlanda tem excelentes escolas de inglês especializadas em receber turistas do mundo todo, inclusive brasileiros, como a The English Studio, com sede em Londres e unidade em Dublin.

Com toda certeza as facilidades empregadas pelo governo irlandês abriu as portas para muitos brasileiros que querem passar um tempo no país. Essas leis mais amigáveis atrai estudantes do mundo todo, formando cidades extremamente cosmopolita como Dublin. 

Brasileiros precisam de autorização para a Irlanda

Foto: Brooke Cagle / Unsplash

Vai estudar em alguma cidade irlandesa? A Irlanda não exige visto antecipado de brasileiros, você fará todo o processo ao chegar no país e caso sua estadia seja de até 90 dias, é possível permanecer em solo irlandês apenas com visto de turista, retirado logo no aeroporto.

Desta forma, para quem escolheu programas de intercâmbio com mais de 90 dias, como os oferecidos pela World Study, saiba que há diferentes tipos de visto de estudante. Abaixo detalhamos melhor a diferença entre eles:

Stamp 1 – Autorização de trabalho na Irlanda

Esta autorização de trabalho na Irlanda é concedida apenas para empresas que ofereçam um contrato de trabalho com até 40 horas de atividades semanais. O estrangeiro que tiver a carta confirmando a contratação poderá solicitar o visto com permanência de trabalho durante o período estabelecido.

Stamp 2 – Visto de estudante e trabalho part time

Esse visto só pode ser solicitado pelos estudantes que ficarem 8 meses no país ou mais. Neste caso o intercambista precisa agendar o seu IRP – Irish Residency Permit.

Encontre mais informações sobre esse tipo de visto em programas de intercâmbio com possibilidade de trabalho e estudo na Irlanda, onde você pode consultar especialistas e tirar todas as suas dúvidas.

como conseguir permanência na irlanda

Foto: Priscilla Du Preez / Unsplash

Stamp 2A – Visto de estudante sem permissão de trabalho na Irlanda

O Stamp 2A é um dos vistos de estudante da Irlanda. Complementar ao anterior, este visto é indicado para quem estudar por até 6 meses, sem a necessidade de visto para trabalhar no país. Essa opção é mais indicada para quem não quer trabalhar as 20 horas semanais. Desta maneira ele garante uma permanência mais longa que o visto de turista e é recomendado para quem for ficar mais do que três meses.

Stamp 3 – Permanência sem permissão de trabalho

O visto de permanência Stamp 3 está em processo de adaptação e é indicado para estrangeiros que não fazem parte da União Europeia, mas que querem ficar na Irlanda.

Se você for cônjuge ou dependentes de um cidadão que possua permissão de trabalho e permanência na Irlanda ou mesmo para aposentados que tenham como se manter no país sem trabalhos ou membros de alguma ordem religiosa que estejam em atividade na Irlanda.

Stamp 4 – Visto de permanência na Irlanda

Stamp 4 é o visto que permite estadias durante um prazo específico dentro da Irlanda que pode ser de meses ou de anos. Ou seja, ele é direcionado para estrangeiros que tenham parentesco com cidadãos europeus, refugiados, cônjuge de irlandeses, pai ou mão de criança nascida na Irlanda ou profissionais que trabalham em áreas com grande necessidade para o país. Veja mais sobre os tipos de visto na página dicas de intercâmbio na Irlanda.

como é estudar na Irlanda

Foto: Marco ten Donkelaar / Unsplash

» Documentação para entrar na Irlanda
» Trabalho, estudo e dicas de intercâmbio na Irlanda
» Intercâmbio na Irlanda: como contratar o seguro viagem?
» 5 destinos de intercâmbio mais baratos para estudar inglês

Dicas para planejar sua viagem:

» Descubra as melhores opções de aluguel de carros com a Localiza.
» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Ganhe R$179 de crédito do Airbnb na primeira reserva.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

5 destinos de intercâmbio mais baratos para aprender inglês

Artigo anterior

Martinhal: a rede de hotéis em Portugal onde as famílias são protagonistas

Artigo seguinte

Você pode gostar