Ingressos para visitar os Cânions de Cambará do Sul será realidade! Tarifas poderão chegar a R$ 80, mas a promessa é a de que a estrutura seja das melhores

A visitação aos Parques Nacionais de Aparados da Serra e da Serra Geral, em Cambará do Sul, será tarifada. Isso se dá pois no começo deste ano as áreas verdes onde ficam a trilha do Rio do Boi e os cânions de Itaimbezinho e Fortaleza foram privatizadas através de licitação para empresa Urbia Cânions Verdes que já avisou que será cobrado uma taxa de R$35,00 por dia de visitação e R$55,00 por dois. A partir do terceiro mês o valor deve ser elevado para R$50,00 e R$80,00 respectivamente.

cânions cambará do sul

Foto: Pxhere

O início da utilização de ingressos para acessar os parques estava previsto para 01 de setembro, porém a gestora voltou atrás poucos dias antes e se pronunciou através de um comunicado no dia 27 de agosto. Não foi estabelecida uma nova data, mas ficou garantido que a população será avisada com pelo menos uma semana de antecedência. Até o presente momento a entrada segue gratuita.

Leia também » Estes são os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

A empresa Urbia Cânions Verdes assim que venceu a licitação para gestão dos parques apresentou o projeto que pretende fazer nos próximos anos transformando o complexo em Cambará do Sul no mais bem estruturado e preservado do Brasil. Melhorias no acesso, reformas para ampliar os mirantes, inserção de área de camping e motorhome fazem parte das futuras pretensões. A taxa de entrada se justifica baseado na arrecadação dos valores para tirar o projeto do papel.

Como chegar em Cambará do Sul

ingresso cambará do sul

Foto: Peter Dunne / Wikimedia Commons

Se você pretende visitar a Serra Gaúcha vale muito a pena esticar um pouco mais e conhecer também os famosos Cânions dos Parques Nacionais de Aparados da Serra e da Serra Geral. Na divisa entre os estados Rio Grande do Sul e Santa Catarina encontra-se a maior concentração de cânions da América do Sul com 250 quilômetros de paredões de tirar o fôlego. Mas para ter acesso aos parques você precisa chegar em Cambará do Sul, que fica a 195 km de Porto Alegre.

De avião: O Aeroporto Regional Hugo Cantergiani (CXJ) é o que está mais perto de Cambará do Sul, a 138 quilômetros.

Ele fica na cidade de Caxias do Sul e é o segundo mais movimentado do Estado, porém as opções de voo são menores do que as do aeroporto de Porto Alegre, que fica a 195 quilômetros.

Outra opção também é o Aeroporto Internacional Salgado Filho (POA) que recebe voos frequentes das principais companhias aéreas nacionais e fica a pouco menos de oito quilômetros do Centro da capital.

De carro: Para chegar a Cambará do Sul de carro, saindo de Porto Alegre, você deve seguir pela BR-290, também conhecida como Freeway e, depois, pegar a RS-020 em direção a São José dos Ausentes.

A rodovia estadual está bem conservada mas não é duplicada. Esse caminho é o mais curto, mas tem outra opção: seguindo pela BR-290 até Osório Filho e, depois, pegar a BR-101 em direção ao litoral. Nesse trajeto, a viagem ganha 40 quilômetros a mais.

De ônibus: A Rodoviária de Porto Alegre fica a aproximadamente seis quilômetros do aeroporto.

A empresa que faz a viagem até Cambará do Sul, saindo da capital gaúcha, é a Citral. A viagem dura cerca de seis horas, o ônibus faz uma parada em São Francisco de Paula e, às vezes, há troca de veículo.

Saindo de Caxias do Sul, a viagem dura quase três horas. A empresa que faz esse trajeto é a Expresso São Marcos.

Cambará do Sul, passeios, dicas e mais

Cânions cambará do sul

Foto: Jjunoo / Wikimedia Commons

Cambará do Sul é uma cidade bem pequena com cerca de 6.500 habitantes apenas. Portanto, não se preocupe com a locomoção no centro comercial que se concentra na Av. Getúlio Vargas que é a principal via da cidade e também o ponto de encontro das rodovias estaduais RS-020 e RS-427.

Em 1,5 km de trecho localiza-se os hotéis, pousadas, restaurantes, padarias, bancos e afins. Tudo que um visitante necessita está a poucos metros. O carro se fará necessário para acessar os cânions e também porque as principais atrações da cidade ficam na área rural e não há transporte público até elas.

Vale destacar que além de um carro você vai precisar também de um guia turístico para fazer as trilhas, algumas delas não podem ser percorridas sem a presença de um guia profissional.

Embora Cambará do Sul seja uma cidade pequena, ela está muito bem estruturada turisticamente com ótimas opções de hotéis, pousadas e chalés que se adequam tanto aos dias quentes como aos dias bem frios de inverno. É interessante ficar acomodado próximo ao centro tendo em vista que os restaurantes e o comércio em geral estarão a poucos metros de distância otimizando os afazeres.

Antes de qualquer viagem faça uma pesquisa completa do local e da infraestrutura tornando assim seu passeio mais agradável e sem surpresas indesejadas.

Dicas para planejar sua viagem:

» Descubra as melhores opções de aluguel de carros com a Localiza.
» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com até 50% de desconto para qualquer destino.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Catracas em Veneza? Veja as novas regras para visitar a cidade

Artigo anterior

Exposição com itens da NASA chega em SP, conheça a Space Adventure

Artigo seguinte

Você pode gostar