A companhia Eurostar com sede em Londres vai criar uma nova linha de trem na Europa de alta velocidade que vai conectar a capital inglesa a Barcelona, Lisboa e Roma.

Atualmente a empresa já oferece linhas de trem de alta velocidade para Paris, Lille, Bruxelas, Amsterdã, entre outros destinos. A Eurostar anunciou que terá novas rotas de trem na Europa de alta velocidade. Saindo de Londres, os trens terão como destinos as cidades de Barcelona, na Espanha, Lisboa em Portugal e Roma, na Itália.

Eurostar terá rotas de alta velocidade que ligarão Londres, Barcelona, Lisboa e Roma. Foto: Divulgação

De acordo com secretário de transportes do Reino Unido, Grant Shapps, os ministros têm ajudado a empresa a lançar os novos serviços. Desse modo, será mais um meio de transporte que ligará a Inglaterra ao restante da Europa.

Leia também » Estes são os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

O tempo de viagem de trem na Europa, pode variar entre 4 horas e 40 minutos (de Londres para o sul da França). Já para Barcelona, o tempo aproximado de viagem será de 6 horas e 30 minutos. Aproximadamente 9 horas e 30 minutos de Londres a Lisboa e cerca de 11h30 de Londres até Roma.

Ainda sem data de lançamento, as novas rotas de trem devem começar a funcionar em 2021. Além disso, a Eurostar também teve recentemente uma fusão com a empresa ferroviária Thalys.

Leia também:

» Trem de baixo custo vai conectar capitais da Europa a partir de 9 euros
» Volta ao mundo de trem dura 24 dias e passa por três continentes
» Como ir de Paris a Bruxelas: trem, avião, carro ou transfer
» México constrói trem que fará tour na Rota Maia

Dicas para planejar sua viagem:

» Descubra as melhores opções de aluguel de carros com a Localiza.
» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com até 50% de desconto para qualquer destino.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Gramado terá primeiro hotel temático de chocolate do Brasil

Artigo anterior

Brasil vai exigir teste negativo de covid-19 para entrada no país

Artigo seguinte

Você pode gostar