Famosos destinos da Serra Gaúcha, Gramado e Canela reabrem turismo  com restrições. Entenda: 

Dois dos destinos mais desejados da Serra Gaúcha, Gramado e Canela reabriram parte de suas atrações turísticas. Em Gramado, o anúncio foi realizado pelo prefeito da cidade, Fedoca Bertolucci, que assinou um decreto na última quarta-feira (6) permitindo a abertura com restrições e uma série de exigências que deverão ser cumpridas.

Assim, os hotéis da cidade, por exemplo, podem retomar suas atividades desde que respeitem a capacidade máxima de no máximo 50% de dormitórios disponíveis. Caso se tratem de acomodações compartilhadas, como é comum nos hostels, a distância entre ocupantes deverá ser de, no mínimo, três metros entre uma cama e outra.

Outras medidas incluem a utilização obrigatória de máscaras em áreas comuns e proibição da oferta de serviço de café da manhã no sistema buffet – o mesmo deverá ser servido no quarto ou no sistema a la carte. Além disso, áreas comuns de utilização compartilhada, como espaços de lazer, piscinas, academias, SPA e saunas, por exemplo, estão proibidos.

Quanto a parques e atrações da cidade, o decreto informa que poderão ser reabertos, mas com no máximo 50% de sua capacidade de lotação definida no alvará de PPCI. Nas atrações, a comercialização dos ingressos deverá ser feita preferencialmente por meios eletrônicos. Caso contrário, filas para adquirir os tickets deverão ter separação mínima de 1,5 metro entre as pessoas. O espaços deverão, ainda, higienizar todas as superfícies com álcool em gel 70% ou água sanitária.

Já em Canela, a cidade anunciou a reabertura dos Parques da Serra Bondinhos Aéreos. Além disso, a prefeitura da cidade realizou um decreto onde todos os funcionários e visitantes deverão usar máscaras nas atrações e manter um distanciamento mínimo de dois metros.

Gramado reabre atrações: confira outras medidas

Gramado Canela atrações

Foto: Pixabay

  • Manter distância de, pelo menos, dois metros entre os hóspedes durante a realização do check-in e check-out, a fim de evitar a aglomeração de pessoas nos ambientes
  • Priorizar o atendimento preferencial e especial a idosos, gestantes, deficientes físicos e doentes crônicos, garantindo fluxo ágil
  • Manter na entrada do estabelecimento álcool em gel 70% para utilização dos hóspedes e colaboradores
  • Utilizar máscaras caseiras individuais nas áreas de circulação e elevadores
  • Adotar sistemas de escalonamento e revezamento de turnos para os colaboradores, bem como alteração de jornadas de trabalho
  • Deverão ser designados profissionais específicos para a retirada e lavagem de roupas de cama, toalhas e roupas pessoais. Estes profissionais deverão utilizar Equipamentos de Proteção Individual.

Leia também:

» Fernando de Noronha tem infectados curados e zera casos de coronavírus
» Vinícola chilena Concha y Toro oferece curso online gratuito
» Contos de fada: explore os castelos mais lindos da Europa pela internet
» Fechado por coronavírus, maior jardim de tulipas do mundo oferece tour online

Dicas para planejar sua viagem:

» Descubra as melhores opções de aluguel de carros com a Localiza.
» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Ganhe R$179 de crédito do Airbnb na primeira reserva.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Brasileiros criam ações para conseguir respiradores a hospitais públicos de Manaus

Artigo anterior

Grécia quer abrir hotéis em julho – veja o que os viajantes podem esperar

Artigo seguinte

Você pode gostar