Quer saber quais são os melhores passeios na Chapada dos Guimarães? Se você planeja viajar para lá, precisa conferir nossas dicas sobre as 16 atrações imperdíveis do destino

Há muitos passeios na Chapada dos Guimarães esperando por você. Esta região do Mato Grosso, em pleno cerrado brasileiro, guarda cenários impressionantes que merecem ser conhecidos. Pensando nisso, preparamos esta lista com 16 atrações imperdíveis do destino para te convencer a incluí-lo em seus planos de viagem.

Se você é amante do ecoturismo ou procura mais contato com a natureza, este é o lugar ideal para conhecer. Há muito o que ver e fazer na Chapada dos Guimarães. Lá você encontrará trilhas que levam a paredões rochosos, vales, cachoeiras e cavernas. Poderá, ainda, se refrescar e mergulhar em águas cristalinas, além de contemplar paisagens belíssimas nos seus vários mirantes.

Leia também » Estes são os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

Quer saber mais? Então, continue a leitura deste post especial e descubra quais são os melhores passeios na Chapada dos Guimarães

Atrações imperdíveis da Chapada dos Guimarães

Destino ideal para os amantes do ecoturismo, a Chapada dos Guimarães tem cenários deslumbrantes que rendem passeios incríveis. Veja, a seguir, quais são as atrações imperdíveis dessa região do Mato Grosso.

Lagoa Azul

atrações imperdíveis

Foto: Celso Dorileo / Wikimedia Commons

A trilha que leva até a belíssima Lagoa Azul é um dos principais passeios na Chapada dos Guimarães. Ela atravessa a grandiosa Caverna Aroe Jari e revela a lagoa de águas cristalinas, iluminadas por feixes de luz. Um cenário deslumbrante, que rende ótimas fotos. 

Campo Verde

chapada dos guimarães

Foto: Divulgação

O Circuito Campo Verde, também conhecido como Circuito Águas do Cerrado, é outro passeio super interessante para fazer. Além de passar por várias cachoeiras e cavernas, este percurso revela sítios arqueológicos impressionantes. Ele começa no Poço do Amor e passa por mais oito quedas d’água.

Parque Nacional da Chapada dos Guimarães

cachoeiras chapada dos guimarães

Foto: Attilio Zolin / Wikimedia Commons

O Parque Nacional da Chapada dos Guimarães é uma reserva de proteção ambiental, criada em 1989, que ocupa uma área de mais de 330 quilômetros quadrados. Ele tem dezenas de cachoeiras, vários mirantes, formações rochosas impressionantes, pinturas rupestres e trilhas cercadas de verde.

Cachoeira das Andorinhas

cachoeiras chapada

Foto: Divulgação

Considerada uma das cachoeiras mais bonitas da Chapada dos Guimarães, a Cachoeira das Andorinhas tem cerca de 30 metros de altura. Ela pode ser conhecida a partir do Circuito das Cachoeiras, que percorre seis cachoeiras em 7 km de trilha moderada.

Crista de Galo

chapada dos guimarães

Foto: Divulgação

Do alto do Morro Crista de Galo é possível ter uma visão panorâmica da Chapada dos Guimarães e seus paredões. Para chegar até lá, basta seguir por uma trilha de inclinação leve por 10 minutos. O lugar recebe esse nome por causa da formação rochosa que lembra a crista de um galo.

Cachoeira dos Namorados

mato grosso

A Cachoeira dos Namorados é uma das atrações imperdíveis da Chapada dos Guimarães. Além de sua beleza e poço ótimo para banhos, ela pode ser visitada em conjunto com outra queda d’água que fica a apenas 200 metros de distância, a Cachoeirinha. E o melhor: elas têm fácil acesso e podem ser visitadas sem o acompanhamento de um guia.

Cidade de Pedra

passeios na chapada

Foto: Flavio André/MTur

A Cidade de Pedra faz parte de dois passeios na Chapada dos Guimarães: a trilha para o Morro de São Jerônimo e o Circuito das Cachoeiras. O local lembra uma cidade medieval feita de formações rochosas avermelhadas, que sofreram com a ação do vento e da chuva. Algumas escarpas monumentais alcançam mais de 350 metros de altura.

Morro dos Ventos

passeios

Foto: Divulgação

Localizado a 1 km do centro da cidade, o Morro dos Ventos tem 800 metros de altura e um mirante que revela uma vista incrível dos paredões rochosos. Para chegar até o mirante, é preciso entrar em um condomínio privado, com acesso pago. O local tem um restaurante que oferece pratos típicos da região.

Cachoeira Véu de Noiva

cachoeira

Foto: Divulgação

Cartão-postal da Chapada dos Guimarães, a Cachoeira Véu de Noiva pode ser visitada a partir da entrada principal do parque. A imponente queda d’água de 86 metros de altura fica no meio de um paredão rochoso e pode ser contemplada a partir de um mirante. 

Morro São Jerônimo

o que fazer na chapada dos guimarães

Foto: Divulgação

O Morro São Jerônimo é um dos pontos mais altos do Parque Nacional da Chapada dos Guimarães. Do alto de seus 836 metros de altitude, é possível ter uma vista panorâmica da região. Porém, para chegar ao topo é preciso bom condicionamento físico e muito fôlego: somente a ida leva cinco horas de caminhada, acompanhada por um guia.

Vale do Rio Claro

passeios na chapada dos guimarães

Foto: Divulgação

O Vale do Rio Claro tem vegetação preservada em meio a formações rochosas e piscinas naturais que o tornam um refúgio para quem quer imergir na natureza. Ele abriga o morro Crista de Galo e os belíssimos Poço da Anta e Poço Verde, ótimos para banhos e flutuações.

Caverna Kiogo Brado

chapada mato grosso

Foto: Divulgação

A Caverna Kiogo Brado impressiona logo de cara: sua entrada tem 30 metros de altura. Em seu interior, há um curso d’água que segue por um duto natural por 273 metros, até a saída. No final do percurso, o visitante é presenteado com uma visão ampla do interior da caverna.

Mirante do Centro Geodésico

Foto: Andrea Weschenfelde / Wikimedia Commons

Parada obrigatória ao se visitar a Chapada dos Guimarães, o Mirante do Centro Geodésico fica no ponto central da América do Sul – a 1.600 km do Oceano Pacífico e do Oceano Atlântico. O mirante fica a 845 metros de altitude e oferece uma vista incrível da região – com alguma sorte, em dias claros, é possível ver, inclusive, a cidade de Cuiabá, que fica a 30 quilômetros de distância.

Igreja de Santana

chapada

Foto: chapadadosguimaraes.mt.gov

A Igreja de Santana fica no centro do município da Chapada dos Guimarães e sua praça é um ponto de encontro para quem visita a região. A bela igreja barroca foi construída no século XVII. Em sua praça, é realizada a feira de produtos locais.

Observação de Aves

observação de pássaros

Foto: Divulgação

Berço de várias espécies, a Chapada dos Guimarães é um ótimo lugar para fazer passeios de observação de aves. Entre os melhores pontos para a prática, destacam-se o Vale da Benção, o rio Salgadeira e as estradas que levam até a Aldeia Velha e o Mirante Geodésico. Prepare-se para ver araras-vermelhas, bem-te-vis, tucanos e outros animais.

Dicas para planejar sua viagem:

» Descubra as melhores opções de aluguel de carros com a Localiza.
» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com até 50% de desconto para qualquer destino.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Onde comer na Chapada dos Guimarães

Artigo anterior

7 hotéis e pousadas que vão deixar a sua estadia em Pirenópolis ainda melhor

Artigo seguinte

Você pode gostar