Empresas terão prazo de 12 meses para devolver dinheiro ou 18 meses para remarcação de passagens de clientes que tiverem voos cancelados na pandemia

Acaba de ser aprovada uma nova lei que visa ajudar o setor de aviação, que desde o começo da pandemia vem sendo atingido pela crise. A lei 14.034/2020 instituiu uma série de medidas para socorrer as empresas do setor aéreo e traz algumas mudanças para o consumidor.

A lei tem origem em uma medida provisória editada pelo governo em razão da pandemia do novo coronavírus.

Veja abaixo as principais novidades da lei, e saiba como proceder em cada caso:

voos cancelados na pandemia nova lei

Remarcar voos cancelados: entenda as mudanças com a nova lei. Foto: Reprodução

Créditos em novas viagens

Uma das principais mudanças é a extensão da remarcação de passagens, que aumentou 6 meses a mais, completando 18 meses ao invés de 1 ano. Isso significa que todos os viajantes que tiveram voos cancelados durante a pandemia poderão usar o crédito em novas viagens durante um ano e meio, independentemente se a viagem foi paga em dinheiro, cartão ou milhas.

Reembolso em dinheiro

Se a sua intenção é receber o seu dinheiro de volta, saiba que cada companhia possui um processo próprio para estornar dinheiro ao consumidor, mas todas são obrigadas a devolver o valor de voos cancelados em até 12 meses, contados a partir da data da viagem. A nova regulamentação é válida para voos marcados entre 19 de março e 31 de dezembro deste ano.

Desistência de voo 

Se vez de cancelar, você deseja desistir de fazer a viagem, deverá ser aplicado os mesmos prazos informados sobre o reembolso dos tickets. Nesse caso, a diferença é que a empresa está autorizada a cobrar os valores de encargos que estiverem previstos no contrato da prestação de serviços.

Leia também:

» Azul e LATAM anunciam compartilhamento de rotas e programas de fidelidade
» Mapa interativo fornece informações sobre viagens aéreas durante pandemia
» Turkish Airlines oferece 40% de desconto para trabalhadores da saúde
» Emirates pagará tratamento de até 150 mil euros para clientes infectados com Covid-19

Dicas para planejar sua viagem:

» Descubra as melhores opções de aluguel de carros com a Localiza.
» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Ganhe R$179 de crédito do Airbnb na primeira reserva.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Frente fria pode provocar neve em RS, SC, PR e sul de SP nesta semana

Artigo anterior

Primeiro ônibus de viagem Biosafe do Brasil entra em circulação

Artigo seguinte

Você pode gostar