Afinal, qual é o objetivo do seguro viagem? Essa questão é cada vez mais importante para viajantes brasileiros

De acordo com a Federação Nacional de Previdência Privada e Vida (FenaPrevi), a busca por seguros viagem no Brasil cresceu 19,2% no último trimestre de 2019. Mas por qual motivo tantos viajantes brasileiros estão preocupados em contratar este serviço? 

Além da exigência de alguns países onde o seguro viagem é obrigatório, o serviço se tornou um aliado para quem deseja evitar imprevistos e problemas quando se está longe de casa. Descubra para que serve exatamente o seguro viagem. 

Seguro viagem obrigatório: para que serve? 

Foto: Simon Migaj / Unsplash

Mas afinal, para que serve o seguro viagem obrigatório? Para começar, o seguro viagem não só auxilia o viajante em questões de saúde, como também em casos de atraso da companhia aérea, cancelamento da viagem ou outros contratempos que podem ocorrer tanto para quem viaja a trabalho ou a turismo.  

Para entender melhor sua finalidade e importância, veja alguns casos onde você pode utilizar o serviço: 

Bagagem

Imagina ter a sua mala danificada depois da viagem ou, pior ainda, não vê-la passar pela esteira porque foi furtada ou extraviada? Ninguém merece! A cobertura para extravio de bagagem garante indenização nesse tipo de caso e não deixa você sair no prejuízo.

Assistência médica

É claro que, justamente durante uma viagem, ninguém quer ficar doente ou sofrer algum acidente, mas isso pode acontecer com qualquer um. Por isso, é preciso se preparar e contratar a cobertura de assistência médica, até por conta do alto valor cobrado em alguns países se você não tiver um seguro viagem. 

Atraso da companhia aérea

Caso esteja no plano contratado, se a companhia aérea atrasar o voo, saiba que você pode recorrer a uma indenização. Dessa forma, é possível agendar outra viagem, se hospedar em algum local perto ou, até mesmo, guardar o dinheiro para outras ocasiões. 

Cancelamento de viagem

Se, por algum motivo, você precisar cancelar a viagem – como em casos de acidente, perda de documentos ou mudança de emprego – também é possível receber o dinheiro de volta. De acordo com a cobertura adquirida você consegue reembolsar até 80% das despesas geradas por multas de passagens ou até mesmo por pacotes turísticos cancelados. 

Em quais países o seguro viagem é obrigatório? 

Foto: Dino Reichmuth / Unsplash

Você sabia que, em alguns países, o seguro viagem é obrigatório? Na Europa, por exemplo, isso acontece por conta do Tratado de Schengen, no qual o turista deve ter uma cobertura mínima de 30 mil euros. 

Fique ligado nos países que exigem o seguro e fazem parte do Tratado: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Hungria, Itália, Irlanda, Islândia, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Polônia, Portugal, Reino Unido, República Tcheca, Romênia, Suécia e Suíça.

Outros países também pedem que o seguro viagem seja feito. Cuba tem cobertura mínima de U$ 10.000,00 para assistência médica, e a Venezuela possui cobertura mínima de U$ 40.000,00 para assistência médica, repatriação médica e funerária. A Austrália também exige que estudantes de intercâmbio tenham o seguro saúde Overseas Students Health Cover (OSHC).

E nos países não obrigatórios, o que fazer? 

Foto: Mesut Kaya / Unsplash

Mesmo em países onde o seguro não é obrigatório, como os Estados Unidos, é recomendado que o serviço seja contratado. Isso porque, em alguns casos, uma simples consulta pode custar 500 dólares, imagina então ter que arcar com um problema mais sério?  

Além disso, a comodidade de saber que você está resguardado caso aconteça alguma coisa faz com que você aproveite melhor a viagem. Já pensou ter que ficar se preocupando com problemas durante seus momentos de lazer?  

Dicas ao contratar o seguro viagem

Foto: Anete Lūsiņa / Unsplash

Mas e na hora de contratar um seguro viagem? Temos algumas dicas para levar em consideração antes de escolher sua seguradora: 

  • Veja se o seguro possui a cobertura necessária;
  • Procure sobre a qualidade do atendimento;
  • Pesquise e busque referências da empresa a ser contratada;
  • Confira o valor do seguro e seu custo-benefício;
  • Priorize atendimentos realizados 24 horas por dia.

Antes de contratar, pesquise bem todos esses pontos para evitar cair em golpes ou ter dores de cabeça se precisar utilizar o seguro. Com isso, você vai estar protegido e sua viagem também será muito mais tranquila. 

Como contratar um seguro viagem 

É muito fácil contratar um seguro viagem e você pode, inclusive, aderir ao serviço on-line. A Allianz Travel, por exemplo, permite realizar uma cotação em seu site – de acordo com necessidades, idade e dias de viagem – e então contratar o seguro ideal. 

A empresa já é bastante conhecida no mercado e oferece três tipos de planos disponíveis. Outra vantagem é que o atendimento é realizado 24 horas por dia e em português. 

+ Info

Allianz Travel
Tel.: 0800 770 8020/ (11) 4331-5445
WhatsApp: (11) 94128 8586
Site

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas.
» Ganhe R$179 de crédito do Airbnb na primeira reserva.
» Aluguel de carros com até 30% de desconto e a garantia do melhor preço!
» Encontre seu seguro viagem com os melhores preços na Allianz Travel.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Viagem de aventura: devo contratar um seguro?

Artigo anterior

Seguro viagem da Allianz Travel é confiável?

Artigo seguinte

Você pode gostar