As milhares e gigantescas quedas d’água e a natureza exuberante da Mata Atlântica tornam Foz do Iguaçu um destino conhecido mundialmente.

No interior do Paraná, na região Sul do Brasil, está a 600 km da capital reúne atrações imperdíveis, grandiosas e multiculturais, já que está na fronteira entre outros dois países da América do Sul: Argentina, o que permite ao viajante degustar as deliciosas carnes portenhas e Paraguai, paraíso das compras. Tudo isso com uma rede hoteleira confortável e bem estruturada para descansar após intensas caminhadas e passeios, que não faltam!

O que fazer em Foz do Iguaçu

foz do iguacu

Foto:
Deni Williams / Flickr

O principal atrativo da cidade são as Cataratas do Iguaçu, que foram consideradas uma das sete maravilhas da natureza formadas por aproximadamente 275 quedas de água, provenientes do Rio Iguaçu. Esse complexo gigantesco está localizado entre o Parque Nacional do Iguaçu, em território brasileiro e o Parque Nacional Iguazú na Argentina, na fronteira entre os dois países. Por isso é muito comum ouvir a expressão “do lado brasileiro”, que corresponde a uma área composta por trilhas que levam a vários mirantes de onde é possível avistar as cataratas e há também um elevador panorâmico para contemplar esse paraíso.

Leia também » Estes são os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

Já do lado argentino, os atrativos agradam os mais aventureiros, pois a área é cercada por paisagens mais selvagens e três trilhas que proporcionam paisagens incríveis, como a Garganta do Diabo que tem mais de mil metro, e ali que os turistas conseguem ver de cima a maior e mais volumosa queda d’água dos parques. Em noites de lua cheia, o complexo abre à noite para os turistas fotografarem as cataratas. Um passeio surreal e muito disputado.

Foz do Iguaçu é diversão garantida para quem gosta de natureza, e o Parque das Aves é outro ponto turístico importante da região, pois nele é possível encontrar animais resgatados de tráfico e de maus-tratos.

São 17 hectares de mata nativa, com viveiros de aves tropicais raras e coloridas como periquitos, araras, flamingos e tucanos. Existe ainda um borboletário, área de beija-flores e o setor de répteis com cobras e jacarés. Quase um safari.

Fora da rota de atrações no meio da natureza, encontra-se o Marco das Três Fronteiras, que demarca as fronteiras entre Brasil, Argentina e Paraguai, reunindo história e cultura. Além disso, tem uma bela vista panorâmica dos três países, garante um ótimo pôr-do-sol com o encontro dos Rios Iguaçu e Paraná de fundo.

E por fim, um outro ponto que não pode faltar em qualquer roteiro para Foz do Iguaçu é a Usina Hidrelétrica de Itaipu, a maior geradora de energia limpa e renovável do planeta. Ela une o Paraguai ao Brasil, pelo Rio Paraná, e fornece energia para os dois países, além de ser considerada uma das maravilhas da arquitetura moderna. Lá é possível ter uma vista panorâmica de todos os principais pontos,  com destaque para a enorme barragem de aproximadamente 8 km de extensão e 196 metros de altura.

Mas não pense que acabou, se tiver tempo para explorar, há um casino para fazer suas apostas, mesquita muçulmana, templo budista, parque aquático, museus e atividades ao ar livre regadas a muita aventura.

Foz do Iguaçu

Dicas para planejar sua viagem:

» Descubra as melhores opções de aluguel de carros com a Localiza.
» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com até 50% de desconto para qualquer destino.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Serra Gaúcha

Artigo anterior

Região dos Lagos

Artigo seguinte

Você pode gostar