A Rota da Cerveja é um sonho para os apreciadores da bebida e uma excelente opção para quem procura um passeio diferente para fazer no Vale Europeu, em Santa Catarina

Você não precisa viajar para a Europa para provar as melhores cervejas artesanais. Aqui no Brasil, em Santa Catarina, há uma rota da cerveja artesanal no Vale do Itajaí onde é possível encontrar exemplares da bebida dignos de produções internacionais, como se vê na Alemanha, Bélgica e Tchecoslováquia.

O roteiro turístico é um sonho para os apreciadores da cerveja e também uma excelente opção para quem procura um passeio diferente para fazer pelo sul do país. Além de conhecer as cervejarias que produzem diferentes tipos da bebida, o viajante pode visitar cidades com forte influência europeia, que encantam tanto por sua arquitetura quanto pela preservação das tradições e costumes do velho continente.

Leia também » Estes são os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

ecrveja artesanal santa catarina

Foto: Divulgação

A rota da cerveja artesanal é feita por várias cidades do Vale do Itajaí, também conhecido como Vale Europeu, e permite que os turistas visitem o interior das fábricas, conheçam todo o processo de fermentação e, por fim, experimentem os vários tipos da bebida.

Rota da Cerveja Artesanal

roteiro da cerveja artesanal

Desfile da Festa Pomerana, Santa Catarina. Foto: Daniel Zimmermann/Divulgação

A forte influência alemã das cidades do Vale do Itajaí conservou tradições e costumes do povo germânico, incluindo a produção de cervejas. Há tantas cervejarias artesanais nesta região de Santa Catarina que criou-se a Rota da Cerveja Artesanal, um roteiro para nenhum entusiasta da bebida fermentada colocar defeito.

O roteiro leva os turistas não somente pelas cidades do Vale Europeu, mas também às várias fábricas de cerveja que abrem suas portas para visitas guiadas e degustações dos mais variados tipos e sabores da bebida.

A produção de cerveja artesanal no Vale do Itajaí é levada tão a sério que as microcervejarias elevaram a qualidade da cerveja brasileira a um patamar internacional. Por isso, você não pode deixar de percorrer essa rota turística para experimentar a deliciosa variedade de cervejas produzidas ali.

Mas, lembre-se, se for fazer a Rota da Cerveja Artesanal de carro, vá acompanhado de um motorista que não bebe, assim você poderá saborear os diferentes tipos de cervejas artesanais com tranquilidade. Uma opção, também, é contratar uma das empresas de turismo que realizam passeios com o roteiro.

Vale do Itajaí

roteiro cerveja artesanal

Antiga estação ferroviária de Jaraguá do Sul, Santa Catarina. Foto: Zé Paiva/Pulsar

O Vale do Itajaí, ou Vale Europeu, é uma região metropolitana de Santa Catarina com forte influência alemã e italiana, que abriga os municípios de Blumenau, Gaspar, Indaial, Pomerode e Timbó.

Além da Rota da Cerveja Artesanal, o Vale do Itajaí é uma excelente opção de destino para quem quer conhecer um pouco mais da cultura europeia sem sair do Brasil. Por todo canto, os hábitos do velho continente podem ser vistos, não só no vestuário, mas também na gastronomia e arquitetura das cidades que o compõem. E mais: as ruas são limpíssimas e muito arborizadas, ótimas para passeios ao ar livre.

Cidades do roteiro

cerveja artesanal vale do itajai

Blumenau. Foto: Divulgação

Confira, a seguir, o que cada cidade da Rota da Cerveja Artesanal reserva para você. O roteiro inclui as cidades do Vale do Itajaí, além de Jaraguá do Sul e Joinville. Vale a pena conhecer cada um destes lugares e, pela proximidade, é possível até combinar a visita a mais de uma cidade por dia.

Blumenau

Não poderíamos começar a falar da Rota da Cerveja Artesanal do Vale do Itajaí por outra cidade senão a Capital Nacional da Cerveja: Blumenau. Palco da segunda maior Oktoberfest do mundo, a cidade tem inúmeras cervejarias para visitar e degustar diferentes versões da gelada.

Entre as fábricas de cervejas artesanais para conhecer em Blumenau, destacam-se a Eisenbahn, a Cervejaria Bierland, a Cerveja Blumenau, a Alles Blau, a Cervejaria Container e a Escola Superior de Cerveja e Malte-ESCM. Não deixe de conhecer, também, o Museu da Cerveja, localizado na cidade.

Gaspar

Distante cerca de 20 minutos de Blumenau, a cidade de Gaspar tem um estabelecimento que faz parte da Rota da Cerveja Artesanal: a Cervejaria Das Bier. O local produz 11 tipos de chope, incluindo um de vinho e, além da degustação das bebidas, possui um restaurante onde é possível almoçar ou jantar.

Aproveite a passagem por Gaspar para conhecer essa cidade encantadora, colonizada por italianos, mas com grande influência germânica.

Brusque

Assim como Gaspar, Brusque tem apenas uma cervejaria, mas que vale a pena incluir em seu roteiro pelo Vale do Itajaí. A Zehn Bier foi fundada em 2003 e é uma das primeiras cervejarias da região que segue a escola alemã que respeita a lei da Pureza, definida em 1516. A norma proíbe o uso de conservantes e limita sua produção à utilização de apenas quatro ingredientes: água, lúpulo, malte e fermento.

Além disso, a visita à cidade pode render ótimas compras, uma vez que Brusque é polo industrial têxtil de Santa Catarina.

Timbó

Conhecida como a “pérola do vale”, Timbó é uma cidade muito agradável, que vale a pena visitar tanto para fazer a Rota da Cerveja Artesanal do Vale do Itajaí quanto apenas para passear. Para quem faz a rota da cerveja, a cidade tem ótimas fábricas, como a Berghain Cervejaria, a  Cervejaria Borck e a Blauer Berg.

Pomerode

Considerada a cidade mais alemã do Brasil, Pomerode é parada obrigatória para quem faz a rota da cerveja artesanal no Vale do Itajaí. Nela você vai encontrar a Cervejaria Schornstein, instalada em um prédio histórico da cidade: o antigo Mercado Weege. Ao lado da fábrica fica o Schornstein Kneipe, bar oficial da cervejaria, onde é possível provar as excelentes cervejas da marca.

Jaraguá do Sul

Jaraguá do Sul é uma das cidades com melhor qualidade de vida do país e está na Rota da Cerveja Artesanal do Vale do Itajaí. O destaque de lá é a Cervejaria Karsten que, apesar de não ter um bar, organiza visitas monitoradas para degustação de chope para grupos de até 20 pessoas. Ao degustar as bebidas, você pode, ainda, provar deliciosos petiscos, como salame, copa, lombo defumados, linguiças, queijos, azeitonas, patês e pães.

Joinville

Maior cidade de Santa Catarina, Joinville é um lugar incrível para se conhecer. Além de ter uma vida cultural intensa, tem excelentes cervejarias que integram a Rota da Cerveja Artesanal. Inclua em seu roteiro uma visita à Haensch Bier, à Gutes Bier, à Cervejaria Rhein Bier, à Zeit Cervejaria e à Opa Bier.

Inscreva-se em nosso canal:



Planeje sua Viagem




Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Serra do Corvo Branco, em SC, ganhará passarela de vidro entre o vão das montanhas

Artigo anterior

5 destinos que você precisa conhecer em Santa Catarina antes de morrer

Artigo seguinte

Você pode gostar