Descubra como conhecer a Amazônia com conforto e luxo no Mirante do Gavião Amazon Lodge, um hotel completamente integrado à natureza com instalações muito aconchegantes

Quem disse que, para visitar a Floresta Amazônica, você precisa se hospedar de maneira mais simples para conseguir aproveitar a natureza? O Mirante do Gavião Amazon Lodge prova que é possível conhecer a Amazônia com conforto e luxo e, ainda, interagir com a fauna e a flora da região.

Com projeto arquitetônico totalmente integrado à floresta, o hotel fica nas margens do Rio Negro e oferece vistas privilegiadas de todos os seus ambientes. As acomodações são aconchegantes e possuem varandas. Além disso, as áreas de lazer contam com mirantes que ajudam a contemplar a paisagem.

Leia também » Estes são os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

Este hotel de luxo na Amazônia fica a duas horas de Manaus, bem próximo a uma reserva ecológica. Ou seja, com uma localização ideal para quem quer conhecer essa região do norte do Brasil, em uma experiência profunda de contato com a floresta amazônica.  

Se você é uma dessas pessoas, veja nossas dicas sobre o Mirante do Gavião e descubra como conhecer a Amazônia com conforto e luxo

Você pode conhecer a Amazônia com luxo e conforto

Mirante do gaviao amazonia

Foto: Divulgação

O projeto arquitetônico do hotel Mirante do Gavião chama a atenção por sua beleza e integração com a natureza da região. Construído com madeira-de-lei certificada, o hotel tem um design original e foi elaborado pela arquiteta Patricia O’Reilly, do escritório Atelier O’Reilly Architecture & Partners Sustainable Strategies. 

A estrutura deste hotel na Amazônia inclui dez suítes luxuosas, um restaurante, uma piscina e três mirantes espalhados pela área para contemplação da paisagem. Ele fica próximo ao Parque Nacional Anavilhanas, em uma área rica em diversidade de fauna e flora. Não é difícil, por exemplo, encontrar bichos-preguiça ao caminhar pelas plataformas de circulação do Mirante do Gavião, além de avistar vários pássaros. 

hotel na amazonia

Foto: Divulgação

A área de lazer, que inclui a piscina e o restaurante, fica bem em frente ao Rio Negro. O salão de refeições é totalmente aberto, o que integra o ambiente à floresta. O Restaurante CamuCamu serve pratos exóticos que combinam produtos regionais com a culinária contemporânea ocidental. Ele é comandado pela chef Debora Shornik.

Tenha atendimento personalizado neste hotel na Amazônia

hotel na amazonia

Foto: Divulgação

O Mirante do Gavião ocupa uma área de 2 hectares em meio à floresta e às margens do Rio Negro. Apesar disso, o local conta com apenas dez suítes distribuídas na área. O motivo do número pequeno de acomodações é o atendimento personalizado que este hotel na Amazônia oferece aos seus hóspedes.

As suítes ficam em chalés de madeira suspensos em palafitas e cercados por muito verde. Eles não ficam próximos uns dos outros, o que garante mais privacidade ao hóspede. E a característica comum entre todos é a vista para a floresta e o Rio Negro.

hotel na amazonia

Foto: Divulgação

Há três categorias: Suíte Família, Suíte Luxo e Suíte Comfort. A Suíte Família lembra uma casa na árvore: é um chalé de dois andares construído em torno de uma árvore, com um terraço que serve de mirante. A acomodação abriga até seis pessoas e tem frigobar, ar condicionado, mesa de centro com poltronas e cofre. Há duas Suítes Família: Aritu e Castanheira.

Já a categoria Luxo tem três suítes, a Macucu, a Samaúma e a Cumarú. Mais espaçosas que as demais, estas suítes têm banheiro com ofurô, mezanino e uma ampla varanda para contemplação da vista. Além disso, uma de suas paredes é uma grande vidraça, que deixa o ambiente mais iluminado e permite desfrutar da paisagem de dentro do quarto. Estas acomodações abrigam até quatro pessoas.

Por fim, a categoria Comfort tem cinco suítes: Aquariquara, Angelim, Itaúba, Paxiúba e Piquiá. Todas têm varandas com redes, ar condicionado, frigobar, mesa de trabalho e acomodam até três camas. São amplas e confortáveis.

Como chegar ao Mirante do Gavião

hotel mirante do gaviao amazonia

Foto: Divulgação

Quer saber como chegar no Mirante do Gavião? Este hotel na Amazônia fica na margem do Rio Negro, no município de Novo Airão, a 184 quilômetros de Manaus. A partir da capital amazonense, onde fica o aeroporto mais próximo, é possível chegar até o hotel tanto por via terrestre quanto pelo rio. 

De carro, o percurso dura cerca de duas horas e meia e passa pelas rodovias AM-070 e AM-352. Se você optar por fretar um hidroavião, o tempo de viagem reduz para cinquenta minutos. O Mirante do Gavião tem um cais próprio para receber os hóspedes que chegam pelo Rio Negro.

O que conhecer na Amazônia próximo ao Mirante do Gavião

anavilhanas

Foto: Divulgação

Ao se hospedar no Mirante do Gavião, você estará em uma área privilegiada da Amazônia, que reúne tudo que há de melhor por lá: rica biodiversidade em imensas florestas, o imponente Rio Negro e comunidades tradicionais.

Além disso, se você visitar a região entre outubro e dezembro, no auge do período da vazante dos rios, encontrará no município de Novo Airão uma infinidade de praias de água doce, uma mais bela que a outra. Elas se formam, principalmente, no Parque Nacional de Anavilhanas e são acessíveis por barco. Mas o passeio até essas porções de areia vale muito a pena.

Vale destacar, no entanto, que essas praias são isoladas e selvagens, por isso não há nenhuma infraestrutura, como barraquinhas de bebidas e petiscos e vendedores ambulantes. São perfeitas para quem quer curtir sem aglomerações. 

Uma característica interessante dessas praias é que as águas são mais quentes e transparentes partes mais rasas, enquanto que nas partes mais profundas ficam refrescantes e escuras.

O Parque Nacional de Anavilhanas, onde ficam as praias de água doce, é formado por mais de 400 ilhas, 600 lagos e lagoas. Banhado pelas águas do Rio Negro, é um dos melhores balneários para visitar na Amazônia e o melhor: fica bem próximo ao Mirante do Gavião. 

Para se ter uma ideia da beleza do parque, ele foi eleito uma das Sete Novas Maravilhas da Natureza. E, além de conhecer as praias de água doce, é possível fazer trilhas em meio à mata, focagem dos animais nativos e canoagem pelos igapós e igarapés no Anavilhanas.

Outro passeio bastante procurado por quem visita a região é a busca por botos em seu habitat nas águas turvas do Rio Negro. Há também a opção de interagir com estes animais na Estação Flutuante dos Botos, na orla de Novo Airão. 

Por fim, aproveite a estadia no Mirante do Gavião para conhecer a Fundação Almerinda Malaquias, apoiada pelo hotel de luxo na Amazônia. Ela gera renda para mais de 40 famílias de artesãos com oficinas de artesanato de reaproveitamento de pedaços de madeira e reciclagem de papel. Além disso, mantém uma escola de preservação ambiental.

Viu como o hotel Mirante do Gavião permite conhecer a Amazônia com conforto e luxo? Está esperando o quê, então, para programar sua próxima viagem para lá? Descubra a floresta amazônica de um jeito diferente e viva uma experiência incrível.

Leia também:

» Diário de bordo: Manaus, roteiro de 3, 5 ou 7 dias
» O que fazer em Manaus: 28 atrações turísticas imperdíveis
» O que fazer em Manaus: 28 atrações turísticas imperdíveis
» Rota dos Rios: viagem de barco Belém x Santarém x Manaus

Dicas para planejar sua viagem:

» Descubra as melhores opções de aluguel de carros com a Localiza.
» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com até 50% de desconto para qualquer destino.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Regras de viagem para entrar nos Estados Unidos

Artigo anterior

Refúgio Mamanguá: paraíso caiçara entre o mar e as montanhas de Paraty

Artigo seguinte

Você pode gostar