De acordo com pesquisa realizada pela Booking.com, 74% das pessoas alegam que preferem arrumar as malas de viagem e ir viajar a encontrar o amor verdadeiro (isso significa quase três em cada quatro pessoas). O estudo tinha como objetivo descobrir do que mais as pessoas sentem falta (levando-se em consideração a pandemia de Covid-19 e o decorrente isolamento social) e do que estão dispostas a abrir mão para voltar a realizar viagens.

Empatados com os italianos, os brasileiros são a sexta nacionalidade (ao todo, 28 foram consultadas) que mais dá prioridade a encontrar uma pessoa especial. Além disso, 62% dos entrevistados no território nacional preferem arrumar a mala de viagem e ir viajar a adquirir um automóvel. Outro ponto compartilhado pela pesquisa é que 59% das pessoas escolheriam viajar ao invés de sair para jantar com os familiares.

Planos de viagem retomados

De acordo com o estudo, 65% dos entrevistados usaram o tempo que ficaram em casa para que outras viagens fossem planejadas. Além disso, 44% (dois em cada quatro) economizaram dias de férias com o objetivo de aproveitar viagens com duração mais longa assim que possível e 62% (seis em cada dez pessoas) acreditam que poderão viajar ainda neste ano. Além disso, spa e praia estão entre os destinos mais procurados.

Leia também » Os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

Espanhóis são os mais fascinados por viagem

Segundo a Booking.com, entre os 28 países analisados e 28.042 pessoas entrevistadas, os espanhóis são os mais fascinados por arrumar a mala de viagem e viajar. A Espanha está em primeiro lugar quando o assunto é preferir viajar a encontrar um amor verdadeiro (84%) e ganhar uma promoção no trabalho (89%). Em relação a jantar com os familiares, os espanhóis ficaram em quarto lugar, mas, ainda assim, 60% preferem viajar.

Turismo deve voltar ao patamar pré-pandemia apenas no começo de 2023

Em entrevista dada à CNN Rádio em julho deste ano, o economista da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), Fabio Bentes, apontou a situação crítica do país. “Desde o início da pandemia, o setor de turismo perdeu R$ 355 bilhões. O retrato, quando se olha para trás, é negativo e, quando se olha para frente, também há dificuldade”, comentou.

Segundo Bentes, há as “barreiras impostas pela crise sanitária e os problemas econômicos, que fazem com que as famílias, com aperto no orçamento, sacrifiquem gastos não essenciais”. Assim, arrumar a mala de viagem e ir viajar pode estar ainda mais complicado neste momento. Além disso, um relatório da Organização das Nações Unidas (ONU) mostra que os prejuízos da pandemia ao turismo vão passar de US$ 4 trilhões entre os anos de 2020 e 2021.

Conteúdo via DINO | Website: https://www.delsey.com.br

Dica extra para a sua viagem

Para encontrar inúmeras opções de acomodação e reservar hotéis e pousadas durante a viagem, utilizamos o Booking.com - disponível em milhares de destinos. Para economizar com voos, consultamos primeiro as passagens aéreas na MaxMilhas, - quase sempre encontramos os melhores preços tanto no Brasil quanto no exterior. As passagens podem ser emitidas mesmo para quem não tem milhas aéreas.

Outras dicas úteis

Encontre informações úteis sobre os melhores destinos do mundo, com guias de viagens especializados sobre diferentes lugares para conhecer no Brasil e no exterior. São milhares de dicas de viagens com sugestões de onde ir na sua viagem, recomendação de hotéis, notícias atualizadas e muito mais.

Precisa de um carro na sua viagem? Encontre aluguel de carro na Rentcars e cote modelos diferentes podendo ser parcelado em até 10x. Já para passeios e ingressos antecipados, fechamos tudo sempre pela Get Your Guide.




Inscreva-se em nosso canal:



Planeje sua Viagem




Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Melhores bairros para se hospedar em João Pessoa

Artigo anterior

Expovivências: primeira feira de turismo criativo do Brasil

Artigo seguinte

Você pode gostar