A partir de 18 de agosto, turistas brasileiros só poderão viajar para o México após obterem o visto físico em seus passaportes

Quem planeja viajar para o México deve se atentar à nova regra imposta pelo governo mexicano para o ingresso de turistas brasileiros no país. A partir do próximo dia 18 de agosto, só poderá ingressar em solo mexicano quem tiver o visto físico em seu passaporte. Por anos, os viajantes vindos do Brasil não precisaram de visto para entrar no México e, desde o final de 2021, passaram a necessitar de uma autorização eletrônica de viagem. 

Agora, a regra ficou mais rígida e afeta, principalmente, quem deseja conhecer destinos como cancun, Cidade do México, Playa del Carmen e Riviera Maya. A medida foi publicada no dia 3 de agosto no Diário Oficial da Federação e entra em vigência dentro de 15 dias – ou seja, no dia 18. Para obter o visto físico, os turistas devem agendar pela internet uma entrevista presencial no consulado mexicano. Na ocasião será feita, efetivamente, a solicitação de emissão do documento.

Read too " Os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

Vale ressaltar que apenas os consulados do México em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília estão autorizados a emitir o visto. Outra questão é que a emissão do documento exige o pagamento de uma taxa de US$ 48 – cerca de R$ 250 na cotação atual -, o que encarece a viagem para lá.

Quem precisa do visto ao viajar para o México

According to the Embaixada do México no Brasil, todos os brasileiros que desejam ingressar no país deverão ter o visto físico a partir do dia 18 de agosto, com somente duas exceções: 

  • Viajantes que tenham visto vigente do Canadá, U.S, Japão, Reino Unido, Irlanda do Norte ou qualquer país do Espaço Schengen;
  • Viajantes que possuam documento que comprove residência permanente no Canadá, Estados Unidos, Japão, United Kingdom, Irlanda do Norte, um dos países do espaço Schengen, da União Europeia ou da Aliança do Pacífico (Chile, Colômbia, México e Peru).

A nova exigência do governo mexicano visa acabar com a entrada de pessoas que vão ao México com o objetivo de tentar imigrar ilegalmente para os Estados Unidos através de suas fronteiras. Por isso, são excluídos da regra aqueles que já possuem visto americano ou canadense.

“A medida não proíbe a entrada de brasileiros como visitantes sem permissão para realizar atividades não remuneradas, mas agora eles terão que buscar o visto no consulado mexicano, como fazem atualmente os brasileiros que pretendem entrar por terra ou mar”, afirmou o governo mexicano.

Emissão do visto mexicano

Visto físico para viajar para o México

Foto: Edgar Flores/Pixabay

Para os viajantes que se enquadram na nova exigência de visto físico para viajar para o México, será necessário seguir alguns passos para obter o documento. Mas, antes de detalharmos esse processo, temos que avisar que, segundo relatos, o sistema de agendamento está apresentando algumas inconsistências. Por isso, é preciso ter paciência para conseguir marcar o atendimento presencial. 

Além disso, como citamos, a emissão do visto mexicano só pode ser feita nos consulados de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. Ou seja, se você não mora em uma dessas cidades terá que prever uma viagem exclusivamente para este fim. Por isso, é bom planejar sua viagem para o México com bastante antecedência.

Por fim, ainda há dúvidas se os turistas que já têm autorização eletrônica para viagens marcadas para depois de 18 de agosto poderão viajar sem o visto. Se este é o seu caso, não deixe de confirmar antes do dia de embarque para não ter problemas. De acordo com o Consulado do México em São Paulo, o único e-mail habilitado para tirar as dúvidas sobre os vistos mexicanos é o [email protected]

Como obter o visto do México

Visto para viajar para o México

Foto: Michelle Raponi/Pixabay

Agendamento para emissão do visto físico: o primeiro passo é agendar, pela internet, o atendimento presencial no consulado mexicano mais próximo a você – lembrando que este serviço é feito apenas em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. Para agendar, é necessário acessar o sistema do governo mexicano.

Entrevista presencial no consulado mexicano: o segundo passo é comparecer no dia e horários marcados para a entrevista presencial. Para esta etapa, é preciso estar com os seguintes documentos: 

  • Formulário de solicitação do visto preenchido e assinado com fotografia recente 3×4, colorida e fundo branco.
  • Passaporte válido: original e cópia.
  • Cópia e original de pelo menos um documento que comprove atividade remunerada no Brasil, a posse de um imóvel ou condições financeiras, como extratos bancários dos últimos três meses.
  • Caso não seja brasileiro, é preciso apresentar original e cópia do documento que comprove a legalização no Brasil (RNM).
  • Caso seja menor de 18 anos, deve haver o acompanhamento de ambos os pais durante a entrevista. Na ocasião, é preciso levar comprovantes de filiação: original e cópias simples das identidades dos pais e das certidões de nascimento dos filhos.

Caso não apresente todos os documentos necessários, o consulado pode negar o visto e o reagendamento de nova solicitação ocorrerá somente após 90 dias. Além disso, será necessário pagar a taxa de emissão novamente. 

Pagamento da taxa: a solicitação do visto físico mexicano tem um custo de US$ 48 para turista, estudante, religiosos, viajantes em trânsito e negócios (sem atividades lucrativas) e dependente econômico familiar. Este valor deve ser pago via PIX no dia da entrevista presencial, conforme última informação da Embaixada do México. O comprovante deve ser apresentado junto com os outros documentos exigidos (que citamos acima).

Análise do consulado: a solicitação de visto está sujeita à análise e o retorno pode levar até 7 dias úteis.

Entrega do visto mexicano: após obter a autorização, será necessário comparecer novamente no consulado para retirar o passaporte com o visto emitido. O documento é válido por 180 dias a partir da data de emissão para entrar no México.

Ademais, para ter mais informações sobre o visto físico, consulte a Embaixada do México no Brasil através do e-mail: [email protected]

Dica extra para reservar hotéis

Para encontrar inúmeras opções de acomodação e reservar hotéis e pousadas com os melhores preços, utilizamos o Booking.com - disponível em milhares de destinos.

Passagens aéreas mais baratas

Para economizar com voos, consultamos primeiro as passagens aéreas na MaxMilhas, - quase sempre encontramos os melhores preços tanto no Brasil quanto no exterior. As passagens podem ser emitidas mesmo para quem não tem milhas aéreas.

Outras dicas úteis

Encontre informações úteis sobre os best destinations do mundo, com guias de viagens especializados sobre diferentes places to visit in Brazil e no exterior. São milhares de travel tips com sugestões de onde ir na sua viagem, recomendação de hotels, notícias atualizadas e muito mais.

Precisa de um carro na sua viagem? Encontre aluguel de carro na Rentcars e cote modelos diferentes podendo ser parcelado em até 10x. Já para passeios e ingressos antecipados, fechamos tudo sempre pela Get Your Guide.

Deseja falar com a redação, promover a sua marca ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

  Subscribe to our channel:
 

Plan your Trip


Artesanato em Paraty: encante-se com a produção das comunidades

Previous article

5G em São Paulo: saiba onde a tecnologia já está disponível

Next article

You may also like