Com atmosfera jovem e descontraída, o Selina Palermo Soho é opção para quem busca hospedagem boa e barata em Buenos Aires

Localizado em um dos bairros mais descolados de Buenos Aires, o Selina Palermo Soho é uma opção charmosa e barata para quem está em busca de hospedagem na capital argentina. Seguindo o conceito da rede panamenha, presente em oito países, a unidade de Palermo apresenta uma atmosfera animada de hostel com conforto de hotel. 

Situado em uma rua larga e arborizada, logo de cara o espaço já apresenta parte de sua vibe descontraída: na calçada ficam estacionadas bicicletas vintage que podem ser alugadas para explorar a região. O hall de entrada é bem clean e espaçoso, com algumas plantas que deixam o ambiente moderninho e alegre.

Na mesma área, em frente à recepção, há uma lojinha com alguns itens como camisetas personalizadas, chaveiros, entre outros. Ao lado está o café, onde também é servido o café da manhã – este, aliás, é bem farto e servido na mesa, com frutas, café, suco, croisssant, torradas e ovos mexidos (é pago à parte e sai por cerca de R$22).

Selina Palermo Soho: dormitórios para quem quer privacidade ou economizar 

buenos aires

Foto: Divulgação

O Selina Palermo Soho oferece 179 leitos, com opções privativas e compartilhadas – sendo a segunda opção mais indicada para quem deseja economizar. Os quartos privativos são bem espaçosos e apresentam gravuras coloridas em suas paredes criadas por diversos artistas – uma marca da rede –  além de uma decoração moderna e varanda espaçosa. 

Já os quartos compartilhados, com opções de 4, 5 ou 6 leitos, também seguem o mesmo estilo, incluindo varanda com vista para a cidade. Os beliches possuem cortinas que dão mais privacidade aos hóspedes, assim como tomadas e armários individuais. A hospedagem no Selina fica a partir de R$ 60 em quarto compartilhado, uma boa opção para quem pretende fazer um roteiro econômico pela capital argentina

Espaços para compartilhar experiências 

hospedagem

Foto: Divulgação

O mais interessante do Selina Palermo Soho é sua diversidade de ambientes coletivos, que podem ser utilizados por todos os hóspedes. Além de uma área de coworking que atrai, especialmente, os nômades digitais, os visitantes também podem usufruir de uma cozinha comunitária com diversos utensílios. Entre as áreas comuns há ainda uma sala de cinema bem aconchegante e uma biblioteca. Por fim, o Selina também oferece um incrível rooftop com uma vista panorâmica para a cidade – é ali que funciona o animado bar do hotel, servindo diversas opções de drinks e comidinhas durante a noite. 

Além disso, a hospedagem oferece ainda experiências e tours aos hóspedes, como caminhadas pela cidade, apresentações de tango, entre outras. O espaço também conta com uma programação semanal que inclui algumas oficinas e aulas (como meditação e yoga) que podem ser agendadas durante a estadia. 

Sobre o bairro Palermo 

buenos aires

Foto: Divulgação

Palermo é um dos bairros mais incríveis de Buenos Aires. Cercado por bares, lojinhas e restaurantes por todos os lados, cada esquina revela um novo espaço para se encantar. Justamente por isso, vale a pena desbravar o local pedalando por suas ruas, já que quase todas oferecem ciclovias. 

Considerado o maior bairro da capital argentina, Palermo foi dividido em três áreas que receberam espécies de apelidos: Palermo Soho, Hollywood e Chico, cada qual com suas características. Palermo Soho, onde fica localizado o Selina, é uma área descolada, com galerias de arte, lojas de moda e bares animados. Palermo Hollywood, por sua vez, abriga diversas empresas modernas, entre elas algumas na área audiovisual que lhe renderam o nome. Por fim, Palermo Chico é a área mais antiga e luxuosa do bairro, abrigando diversos edifícios residenciais sofisticados e suntuosas mansões. 

+ Info
Selina Palermo Soho
Guatemala 4931, C1425 BUQ, Argentina
www.selina.com/argentina/palermo-soho

» Low cost no Brasil: como é voar com a Flybondi para Buenos Aires?
» Dicas de turismo em Colonia del Sacramento
» 11 lugares em Buenos Aires para fugir do óbvio
» Buenos Aires: roteiro econômico de 4 dias para gastar até R$ 2 mil

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas.
» Ganhe R$179 de crédito do Airbnb na primeira reserva.
» Aluguel de carros com até 30% de desconto e a garantia do melhor preço!
» Encontre seu seguro viagem com os melhores preços na Allianz Travel.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Nova frota de ônibus facilita acesso ao Aeroporto de Congonhas

Artigo anterior

Tapeçarias de Rafael retornam ao Vaticano após 400 anos

Artigo seguinte

Você pode gostar