Inspire-se e viaje pelos 4 cantos do mundo sem sair de casa! Confira nossa seleção com 18 livros de viagem

Romance, biografia, suspense, autoajuda, ficção científica ou poesia, não importa o gênero, livros são uma ótima forma de conhecer o inexplorado, compreender o incompreensível e enxergar os quatro cantos do mundo, tudo isso na palma da sua mão e sem sair de casa.

Em casa, no trabalho ou na viagem, esse companheiro nunca nos deixa na mão. Aproveite o seu tempo livre e inspire com esses 18 livros que vão te deixar com vontade de viajar.

Leia também » Estes são os 100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

Melhores livros sobre viagens: 18 obras que não podem ficar fora da sua lista 

Cem dias entre céu e mar

Melhores livros sobre viagens

Melhores livros sobre viagens. Foto: Divulgação

Um dos mais clássicos nacionais do gênero, este livro de viagem não pode faltar na sua lista de leitura.

O livro conta a fascinante história do aventureiro Amyr Klink de sua travessia do oceano Atlântico a bordo da “lâmpada flutuante” (o apelido que ele deu a seu minúsculo barco à remo).

O navegador que atravessou o Atlântico num minúsculo barco a remo faz o relato de sua assombrosa façanha, dos preparativos cuidadosos até os embates com ondas gigantescas e a chegada triunfal ao litoral brasileiro.

On the road

Melhores livros sobre viagens

Melhores livros sobre viagens. Foto: Divulgação

Outro clássico da literatura, On the Road (Pé na estrada) influenciou milhares de jovens dos anos 60 a pegar uma mochila e fazer um road trip sem data para voltar.

A história narra as aventuras de dois amigos, Sal Paradise e Dean Moriarty, que decidem cruzar os Estados Unidos em uma viagem de carro, relatando seus encontros, desencontros e descobertas.

Na natureza Selvagem

Melhores livros sobre viagens

Melhores livros sobre viagens. Foto: Divulgação

O livro que deu origem ao filme de mesmo nome fala sobre a história real de Christopher McCandless (Emile Hirsch), um jovem recém-formado, que decide viajar sem rumo pelos Estados Unidos em busca da liberdade.

Durante sua jornada o viajante percorre diversos lugares pela Dakota do Sul, Arizona e Califórnia, com destino final o Alasca.

Livre: a jornada de uma mulher em busca do recomeço

Melhores livros sobre viagens

Melhores livros sobre viagens. Foto: Divulgação

Baseado em fatos reais, essa obra entra na nossa lista de melhores livros sobre viagens.

Aos 22 anos, Cheryl Strayed achou que tivesse perdido tudo. Após a repentina morte da mãe, a família se distanciou e seu casamento desmoronou. Quatro anos depois, aos 26 anos, sem nada a perder, tomou a decisão mais impulsiva da vida: caminhar 1.770 quilômetros da Pacific Crest Trail (PCT) – trilha que atravessa a costa oeste dos Estados Unidos, do deserto de Mojave, através da Califórnia e do Oregon, em direção ao estado de Washington – sem qualquer companhia.

Cheryl não tinha experiência em caminhadas de longa distância e a trilha era bem mais que uma linha num mapa. Em sua caminhada solitária, ela se deparou com ursos, cascavéis e pumas ferozes e sofreu todo tipo de privação.Em Livre, a autora conta como enfrentou, além da exaustão, do frio, do calor, da monotonia, da dor, da sede e da fome, outros fantasmas que a assombravam. “Todo processo de transformação pessoal depende de entrega e aceitação”, afirma.

Um Ano na Provence

Melhores livros sobre viagens

Melhores livros sobre viagens. Foto: Divulgação

Vencedor do prêmio Melhor Livro de Viagem do British Book Awards, Um ano na Provence é uma das mais divertidas, adoradas e bem-sucedidas obras do gênero já publicadas.

Quem não gostaria de largar tudo e recomeçar a vida num dos lugares mais charmosos do mundo? Peter Mayle e sua mulher fizeram o que, para a maioria de nós, continua sendo apenas um sonho quando resolveram morar numa casa rural no sul da França.

Surpreenda-se com essa história e inclua essa obra na sua lista de melhores livros sobre viagens.

Viagem a Portugal

livros de viagem

Livros de viagem que não pode faltar na sua coleção. Foto: Divulgação

O livro Viagem a Portugal foi escrito pelo prêmio Nobel de Literatura José Saramago e publicado em 1981 após uma longa viagem de quase um ano feita pelo autor, entre outubro de 1979 e julho de 1980, quando ele percorreu as terras portuguesas de Norte a Sul e de Leste a Oeste a convite da editora Círculo de Leitores.

Nessa Viagem a Portugal descrita por Saramago, o autor se diz um viajante e não um simples turista. E é ele próprio que explica o que distingue um termo do outro: “Há grande diferença. Viajar é descobrir, o resto é simples encontrar”. E é nessa busca por descobrir Portugal que o viajante Saramago nos apresenta um país muito especial.

De Moto pela América do Sul

livro de viagem

Foto: Divulgação

Elaborado por Ernesto Che Guevara, em forma narrativa, graças às suas anotações detalhadas, é o relato da viagem feita por Che e o seu amigo Alberto Granado, desde Argentina até a Venezuela, em 1952.

Aventura e emoção entremeadas de reflexões sobre múltiplos aspectos da América, a miséria dos índios, o espanto de conhecer o mar, o mundo percebido pelos olhos de um jovem de 23 anos, disposto à surpresa e à compaixão, mas também querendo descobrir sua verdadeira vocação.

A arte de viajar

livro de viagem

Livro de viagem que não pode faltar na sua coleção. Foto: Divulgação

Poucas atividades estão tão associadas à busca da felicidade quanto o desejo de viajar para lugares distantes. Embora não faltem publicações que recomendam variados destinos, é raro encontrar na literatura uma reflexão sobre as motivações que levam o viajante a abandonar o conforto do lar e a enfrentar o desconhecido.

O escritor Alain de Botton preenche essa lacuna em A arte de viajar, na boa companhia de nomes como Flaubert, Edward Hopper e Van Gogh. Em seu passeio pelo universo das viagens, ele se desloca por Barbados, Amsterdã, Madri e o deserto do Sinai.

A volta ao mundo em 80 dias

livro de viagem

Livros de viagem que não pode faltar na sua coleção. Foto: Divulgação

Durante um jogo de cartas no Reform Club de Londres, Mr. Phileas Fogg, um gentleman inglês misterioso e muito rico, aposta com seus parceiros que conseguirá dar a volta completa ao mundo em 80 dias. Todos acham isso absurdo, irrealizável, mas um inglês nunca brinca quando se trata de algo tão importante como uma aposta, e ela é fechada. São 8:45 da noite, é quarta-feira, 2 de outubro; Mr. Fogg garante que estará de volta a Londres, naquela mesma sala, no sábado, 21 de dezembro, às 8:45 da noite; caso contrário, as 20 mil libras de sua conta bancária passarão a pertencer aos seus cinco parceiros de jogo.

Na Pior Em Paris e Londres

livros

Foto: Divulgação

Publicado pela primeira vez em 1933, este é um livro de memórias fictício, mas também um pouco autobiográfico que trata da pobreza nas duas cidades. A primeira parte é um relato de como um escritor vivia em situação de quase miséria em Paris e a experiência de trabalho temporário em cozinhas de restaurantes. A segunda parte trata-se de um diário de viagem na estrada dentro e ao redor de Londres sob a perspectiva de um desocupado, com descrições dos tipos de acomodação em albergues disponíveis e de alguns dos personagens encontrados vivendo à margem de tudo.

No Ar Rarefeito

livros sobre viagens

Foto: Divulgação

Sobrevivente da mais famosa tragédia do Everest, Jon Krakauer escreve um depoimento tocante, repleto de emoção sobre o encanto avassalador que o Everest exerce sobre as pessoas, sobre o sentido da vida e o poder dos sonhos.

Contratado pela revista Outside para escrever uma matéria sobre a crescente comercialização da escalada do monte Everest, o topo do mundo, o jornalista norte-americano Jon Krakauer participou da expedição chefiada pelo conhecido guia da Nova Zelândia, Rob Hall. Em 10 de Maio de 1996, após um sofrimento tremendo, atingiu os 8.848 metros de altitude. Enquanto descia ao acampamento, nove alpinistas de quatro expedições diferentes morreram e até o final daquele mês outros três não resistiram a empreitada.

Um livro emocionante que você não pode deixar de ler e cabe no seu bolso!

Mas você vai sozinha?

dicas

Livros de viagens pelo mundo. Foto: Divulgação

Mulheres que viajam sozinhas com certeza já ouviram essa pergunta. Seja em outro continente ou na cidade vizinha, é sempre um ato de coragem decidir conhecer um lugar por conta própria. Neste livro, Gaía Passarelli fala com sinceridade e bom humor sobre suas aventuras sozinha pelo mundo. Ela não vai te dizer pra largar tudo e sair por aí, nem te dar dicas de como ser cool em Nova York. Estas são histórias sobre ser consolada por um xamã andino, molhar os pés nas águas do mar do extremo sul da Índia e dormir debaixo de uma mesa de bar no Texas. É sobre viajar e voltar pra casa. Acima de tudo, este é um livro que fala sobre ser mulher e, ao mesmo tempo, ser livre pra viajar por aí sem companhia, sem medo e sem preconceito.

O guia do viajante do Caminho de Santiago: Uma vida em 30 dias

dicas

Livros de viagens pelo mundo. Foto: Divulgação

Fazer o Caminho de Santiago é realizar um projeto de vida. Ao longo de mais de doze séculos, inúmeros viajantes de diversos países e culturas deixam suas casas a fim de percorrer a pé um trajeto de oitocentos quilômetros pelo norte da Espanha. Mas qual a motivação por trás de todo esse esforço? Muitas! Mas o que a maioria dos viajantes procura mesmo é o autoconhecimento, de se tornar uma pessoa melhor.

Transiberiana: uma viagem de trem pelo mundo soviético (e por outros países que não me deixaram entrar)

dicas

Livros de viagens pelo mundo. Foto: Divulgação

A União Soviética se desintegrou em 1991, mas os países que formavam o enorme bloco comunista ainda são pouco conhecidos. Zizo Asnis, escritor de guias de viagem, aventura-se por essa misteriosa região, começando pela Bielorrússia e seguindo por Moldávia, Ucrânia, Rússia – onde toma o lendário trem da ferrovia Transiberiana –, Mongólia e China. Zizo, sob o aguçado olhar de viajante experiente, compartilha conosco suas percepções sobre a última ditadura da Europa e toda a sua jornada pelo pequeno país que é o mais pobre do continente europeu, pelos momentos politicamente conturbados que afetam a região desde o fim da URSS, pela nação que é territorialmente a maior do planeta, pela outra que já foi o maior império do mundo e hoje vive isolada entre duas potências e pelo país emergente que impõe uma forte censura. O livro, porém, não tem a pretensão de se aprofundar em história ou política. Antes de tudo, é uma narrativa de viagem.

1.000 lugares para conhecer antes de morrer

dicas

Livros de viagens pelo mundo. Foto: Divulgação

Seja você um viajante inveterado ou alguém que simplesmente adora ler sobre lugares e culturas diferentes, vai se deliciar com esta extraordinária seleção do que existe de melhor para ser visto e apreciado nos cinco continentes.

Entre as opções selecionadas pelo olhar perspicaz de Patricia Schultz para atender a todos os gostos e bolsos estão reservas ecológicas, ruínas sagradas, resorts, restaurantes, vilarejos esquecidos pelo tempo, museus, teatros, catedrais, fiordes, cavernas, cruzeiros, safáris, trilhas, passeios de balão e ilhas fantásticas. Sem falar nos eventos culturais, artísticos, gastronômicos, religiosos e esportivos e nos incríveis roteiros por palácios e vinhedos.

Expedição Oriente: 812 dias de uma volta ao mundo – Heloisa Schurmann

dicas

Livros de viagens pelo mundo. Foto: Divulgação

Um dos melhores livros sobre viagens para quem deseja se inspirar, o Expedição Oriente narra os detalhes da aventura iniciada em 21 de setembro de 2014 pela família Schurmann.

Schurmann partiu em uma viagem por 812 dias, atravessando quatro oceanos, 50 mil quilômetros, cinco continentes, 29 países, em cinquenta localidades diferentes do planeta. O objetivo era refazer a rota que, segundo Gavin Menzies no livro 1421: o ano em que a China descobriu o mundo, os chineses teriam feito ao circum-navegar o globo com seus gigantescos juncos muito antes dos chamados “descobrimentos” europeus.

Não conta lá em casa

dicas

Livros de viagens pelo mundo. Foto: Divulgação

Escrito por André Fran, um dos quatro apresentadores do programa exibido pelo canal Multishow, Não conta lá em casa é um fascinante relato pessoal das viagens que o autor fez com a equipe de gravação. No livro, André narra aventuras e curiosidades de alguns dos mais excepcionais e inusitados destinos. Uma obra repleta de fotos fascinantes, histórias que divertem e emocionam.

Do for love

Livros de viagens pelo mundo. Foto: Divulgação

Nascido da ânsia da autora de fazer algo impactante na vida de outras pessoas, o projeto Do For Love foi uma idealização que se transformou em uma viagem de voluntariado e autoconhecimento pela Tailândia, Camboja e Vietnã. Procurando testar seus limites e ajudar os outros de maneira espontânea e verdadeira, Letícia Mello mergulhou em um mundo diferente do seu e conseguiu, de modo divertido e sincero, se conectar a pessoas e lugares que antes pareciam tão distantes. Uma história leve e emocionante que vai te tocar de várias formas.

Inscreva-se em nosso canal:



Planeje sua Viagem




Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Governo anuncia programa que facilita entrada de brasileiros nos EUA

Artigo anterior

Pandemia gera oportunidades no setor de ecoturismo

Artigo seguinte

Você pode gostar