Vilarejo submerso em lago na região da Toscana, na Itália, deverá reaparecer após 26 anos. Projeto é uma tentativa de atrair visitantes após pandemia. 

Uma antiga e charmosa vila italiana na região da Toscana, na Itália, inundada na década de 40, poderá em breve reaparecer. Trata-se de Fabbriche di Careggine, que pertence à província de Lucca. A cidadezinha, fundada no século XIII, ficou totalmente submersa em 1947, após a construção de uma barragem para fins hidrelétricos. 

Na ocasião. quando a barragem foi erguida, os moradores da cidade tiveram que abandoná-la e acabaram se mudando para lugares próximos. Desde então, o lago foi drenado algumas vezes para trabalhos de manutenção, sendo a última em 1994. Na ocasião, diversos vistantes aproveitaram para desbravar o lugar.

A intenção, agora, é esvaziar o lugar definitivamente com a intenção de impulsionar o turismo, severamente afetado pelos impactos da pandemia do coronavírus no país. 

Vilarejo submerso esconde belezas na Toscana

vilarejo submerso toscana

Foto: Reprodução/ Fabbriche di Careggine

A Enel, empresa responsável pela construção e administração da barragem, informou em um comunicado que a intenção é drenar o lago no próximo ano, em 2021. A ideia seria reerguer o turismo na região, dando a oportunidade de explorar belezas que estão por anos escondidas abaixo de 34 milhões de metros cúbicos de água.

Além do possível esvaziamento do Lago Vagli, a Enel lançou um projeto para promover o “turismo responsável” na região, que inclui a reabertura de determinados locais, a criação de museus focados na história local e a revitalização do ambiente natural.

No entanto, até o momento, apenas a limpeza do lago foi declarada pela empresa. O esvaziamento do local ainda não tem data para ocorrer e deverá ser oficialmente anunciado. Se sair do papel, o projeto permitirá conhecer mais um lugar encantador na região da Toscana, uma das mais belas do país. Mais informações sobre este projeto estão no site da Enel.

Leia também:

» Milhares de flores azuis formam paisagem mágica em parque no Japão
» Ilha da Madeira reabre fronteiras em julho para viajantes internacionais
» Japão vai pagar metade dos gastos de viagem dos turistas? Entenda
» Chipre cobrirá os custos dos viajantes que pegarem COVID-19 no país

Dicas para planejar sua viagem:

» Descubra as melhores opções de aluguel de carros com a Localiza.
» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Ganhe R$179 de crédito do Airbnb na primeira reserva.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

100 lugares mais lindos para viajar no Brasil

Artigo anterior

Destinos do Caribe mexicano vão oferecer viagens em dobro após pandemia

Artigo seguinte

Você pode gostar