Saiba os melhores lugares visitar e como aproveitar o melhor do inverno em Santiago, a capital do Chile

A temporada de inverno de Santiago está chegando e, junto a ela, diversas atrações incríveis para aproveitar a cidade. Com paisagens de tirar o fôlego, como a impressionante Cordilheira dos Andes, a cidade é procurada por turistas sobretudo durante esta estação do ano, onde as temperaturas caem e a neve começa a surgir sobre as montanhas.

Para os brasileiros que estão acostumados com o clima tropical, ter contato com a neve e experimentar aulas de esqui e snowboard é uma oportunidade incrível. Mas não é só isso: quem visita a capital chilena no inverno aproveita diversas atrações como danças típicas, boa gastronomia, visitas a vinícolas, atividades culturais e muito mais. 

Acompanhe aqui o que você não pode deixar de fazer durante o inverno em Santiago. Tire os agasalhos do armário e boa viagem!

Esquiar no Valle Nevado

o que fazer inverno santiago

Foto: Pixabay

Impossível falar sobre Chile e inverno e não citar as incríveis estações de esqui próximas a Santiago. A mais famosa delas, o Valle Nevado, é um dos maiores complexos do país. A aproximadamente uma hora da capital chilena, o espaço a 3100 metros de altitude oferece mais de 40 quilômetros de pistas de diversos níveis de dificuldade. Para quem quer dar seus primeiros passos nos esportes na neve, há instrutores que ensinam esqui e snowboard aos iniciantes. 

Há diversas opções de brincadeiras na neve que garantem um dia de diversão, além de observar os mais experientes fazendo manobras radicais em seus esquis, que é bastante empolgante. O Valle Nevado oferece ótimos restaurantes, hotéis e resorts que formam o grande complexo. Para quem vai apenas passar o dia, há lojinhas, bares e lanchonetes, além de locais para alugar roupas apropriadas para a neve. 

O Valle Nevado é apenas uma das estações de esqui próximas a Santiago, portanto vale também conhecer as vizinhas La Parva, El Colorado e Farellones, que juntas oferecem mais de 120 quilômetros de pistas no gelo.

Visitar vinícolas no inverno chileno

o que fazer inverno santiago

Foto: Richard Espinoza

O Chile é um dos maiores produtores de vinho e seus rótulos inegavelmente estão entre os melhores do mundo. Por isso, uma visita ao país exige que você visite ao menos uma vinícola. A boa notícia é que Santiago possui diversas produtoras de vinhos em seus arredores. Quer melhor atividade para fazer no inverno do que degustar bons rótulos chilenos e aproveitar todo o charme desses lugares? 

Alguns espaços na região oferecem tours completos, onde é possível conhecer desde os processos da fabricação, como são produzidos os vinhos, a história por trás de cada tradição e, por fim, as deliciosas degustações. Entre as vinícolas mais charmosas próximas a Santiago está a Concha y Toro, onde é possível realizar um passeio pela propriedade e conhecer cada etapa de sua produção, além de curtir um visual único. Outra vinícola muito bonita e bastante visitada por brasileiros é a Undurraga, que oferece paisagens românticas e excelentes rótulos. 

Aproveitar as danças típicas da cidade

Foto: Pixabay

Existe maneira melhor de se aquecer no inverno do que dançando? Aproveite as baixas temperaturas da cidade para conhecer a Cueca, música tradicional chilena. Na dança, os bailarinos com um lenço na mão direita vão fazendo vários movimentos e olhando nos olhos de seu parceiro, sentindo o ritmo.

Vários restaurantes em Santiago oferecem apresentações da dança junto a deliciosos jantares. Entre os nomes mais famosos que oferecem uma noite animada de Cueca e boa gastronomia estão os restaurantes Al Apero e El Huaso Enrique. Esta é uma forma de absorver a cultura da cidade, se divertir e ainda espantar o frio. 

Se aquecer nas termas em Cajón del Maipo

o que fazer inverno santiago

Foto: Pixabay

A 110 quilômetros de Santiago está uma das mais belas regiões chilenas, conhecida por Cajón del Maipo. Formada em meio ao Vale do Rio Maipo e em plena Cordilheira dos Andes, o lugar possui paisagens incríveis e ainda oferece a possibilidade de praticar diversas atividades na natureza, como rafting, trekking, cavalgada, entre outros. No inverno, você ainda pode se aquecer em uma das águas termais como Baños da Colina, Baños Morales e Termas del Plomo. 

Os lugares oferecem banhos em águas quentes que brotam por conta da atividade vulcânica que ocorre na região, chegando a atingir 63ºC. Além dos banhos quentes, a paisagem ao redor é surreal. Portanto, esta é mais um passeio que você não pode deixar de fazer durante o inverno em Santiago.

Desfrutar a incrível gastronomia chilena

o que fazer inverno santiago

Foto: Pixabay

O friozinho e a magia do inverno parecem atiçar ainda mais nosso apetite. Por isso, uma das atividades que você deve desfrutar em Santiago durante o inverno é provar algumas delícias típicas que a cidade oferece. 

A empanada, um clássico da América do Sul, é uma das delícias que você pode provar em Santiago, especialmente a de pino, cujo recheio é uma mistura de pedaços de carne, cebola, ovos cozidos, entre outros condimentos. Para escapar do friozinho, o prato Porotos Con Rienda é um feijão cozido com diversos outros ingredientes, como arroz e linguiça.

Já o Lomo a Lo Pobre seria uma versão chilena do tradicional PF brasileiro, onde são servidos um filé de carne de boi, batatas e cebolas fritas. Isso sem falar nos vinhos, que são amplamente oferecidos em Santiago e combinam perfeitamente com clima gelado do inverno. 

Conhecer atrações culturais e museus

Foto: Divulgação

Nos dias em que o frio apertar e você quiser realizar atividades em locais fechados, que tal programar um passeio a um dos diversos museus de Santiago? A La Chascona Casa Museo é uma das casas onde o célebre poeta chileno Pablo Neruda viveu na cidade e oferece diversas informações sobre o artista, além de um acervo com móveis e objetos originais utilizados por ele. 

O Museu Chileno de Arte Precolombino é um passeio bastante surpreendente para fazer em Santiago. Dividido em dois andares, você poderá descobrir mais sobre a história da América pré-colombiana, com artefatos com mais de 3 mil anos. Já o Museu Nacional de Belas Artes, além de estar localizado em um belíssimo edifício, oferece um acervo completo para os amantes da arte e apresenta obras de diversos períodos, do século XIX até os dias atuais. 

Leia também:

» 50 destinos nacionais para visitar quando a quarentena acabar
» Leia um destes 15 livros e viaje para outros países sem sair de casa
» 20 filmes gravados na Itália para inspirar sua próxima viagem
» Sicília pagará metade dos gastos dos viajantes após pandemia

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas.
» Ganhe R$179 de crédito do Airbnb na primeira reserva.
» Aluguel de carros com até 30% de desconto e a garantia do melhor preço!
» Encontre seu seguro viagem com os melhores preços na Allianz Travel.

Deseja falar com a redação ou relatar algum erro encontrado nesta página? Envie uma mensagem para [email protected]

Melhor época para conhecer Búzios

Artigo anterior

Aeroporto de Hong Kong adota cabine de desinfecção para passageiros

Artigo seguinte

Você pode gostar